Avaliação das aprendizagens no Ensino Remoto Emergencial: a percepção de licenciandos em Matemática

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v14n1a23

Palavras-chave:

Avaliação da/para Aprendizagem, Avaliação das Aprendizagens, Ensino Remoto Emergencial, Licenciatura em Matemática

Resumo

No contexto pandêmico da Covid-19, a definição de isolamento social acarretou o fechamento das Instituições de Ensino Superior, situação que as fez adotar o Ensino Remoto Emergencial (ERE). Diante disso, professores e estudantes foram chamados a continuarem as atividades acadêmicas em um contexto diferente da modalidade presencial, ocasionando modificações significativas nos processos de ensino-avaliação-aprendizagem. Este artigo, oriundo de uma pesquisa qualitativa, de cunho interpretativo, objetivou analisar a percepção de licenciandos em Matemática sobre a avaliação das aprendizagens realizada nas disciplinas cursadas durante os anos de 2020/2021. Por meio da Análise Textual Discursiva (ATD), a análise dos depoimentos coletados em questionário online revelou: a) relação entre os processos de ensino-avaliação-aprendizagem vivenciadas durante o ERE; b) encaminhamentos e instrumentos utilizados pelos docentes para avaliar a aprendizagem no ERE; c) condições e conhecimentos necessários para acompanhamento das aulas e realização das atividades avaliativas no ERE.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BLACK, Paul J.; WILIAM, Dylan. Inside the black box: raising standards through classroom assessment. The Phi Delta Kappan, Bloomington v. 80, n. 2, p. 139-148, 1998.

BORRALHO, António; FIALHO, Isabel; CID, Marília. A triangulação sustentada de dados como condição fundamental para a investigação qualitativa. Revista Lusófona de Educação, Lisboa, v. 29, p. 53-69, 2015.

BOTH, Ivo José; BRANDALISE, Mary Ângela Teixeira. Interferência pedagógica na avaliação da aprendizagem no ensino presencial e a distância com o uso de tecnologias. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, Araraquara, v. 13, n. 2, p. 807-821, abr./jun. 2018.

BRASIL. Ministério da Educação. O que é educação a distância. Portal MEC, Brasília, 2020. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/component/content/article?id=12823:o-que-e-educacao-a-distancia. Acesso em: 15 jun. 2020.

CALVANI Antonio; FINI, Antonio; RANIERI, Maria. Assessing digital competence in Secondary Education. Issues, models, and instruments. In: LEANING, Marcus. (Ed.). Issues in information and media literacy: education, practice, and pedagogy. Santa Rosa, California: Informing Science Press, 2009, p. 153-172.

FERNANDES, Domingos. Avaliar para aprender: fundamentos, práticas e políticas. São Paulo: Editora da Unesp, 2009.

FERNANDES, Domingos. Para um enquadramento teórico da avaliação formativa e da avaliação somativa das aprendizagens escolares. In: ORTIGÃO, Maria Isabel Ramalho; LOPES, Alice Casimiro; DOMINGOS, Fernandes; PERREIRA, Talita Vidal; MACEDO, Elizabeth (Org.). Avaliar para aprender em Brasil e em Portugal: perspectivas teóricas, práticas e de desenvolvimento. Curitiba: CRV, 2019, p. 139-163.

FERNANDES, Domingos. Diversificação dos processos de recolha de informação (fundamentos). Folha de apoio à formação — Projeto de Monitorização, Acompanhamento e Investigação em Avaliação Pedagógica (MAIA). Lisboa: Ministério da Educação, Direção-Geral da Educação, 2021.

FERRARI, Anusca. Digital competence in practice: an analysis of frameworks. Sevilla: JRC IPTS, 2012.

FERRARI, Anusca; PUNIE, Yves; REDECKER, Christine. Understanding digital competence in the 21st century: an analysis of current frameworks. In: RAVENSCROFT, Andrew et al. (Eds.). Proceedings 7th European Conference on Technology Enhanced Learning. New York: Springer, 2012, p. 79-92.

GARCIA, Tânia Cristina Meira; MORAIS, Ione Rodrigues Diniz; ZAROS, Lilian Giotto; RÊGO, Maria Carmem Freire Diogénes. Ensino remoto emergencial: proposta de design para organização de aulas. Natal: SEDIS/UFRN, 2020.

LIBERALI, Fernanda Coelho; FUGA, Valdite Pereira; DIEGUES, Ulysses Camargo Corrêa; CARVALHO, Márcia Pereira de (Org.). Educação em tempos de pandemia: brincando com um mundo possível. Campinas: Pontes Editores, 2020.

LOPES, José; SILVA, Helena Santos. 50 Técnicas de avaliação formativa. Porto: Edições Lidel, 2020.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem escolar. 21. ed. São Paulo: Cortez, 2010.

LUCKESI, Cipriano Carlos. Avaliação da aprendizagem escolar: estudos e proposições. 22. ed. São Paulo: Cortez, 2011.

MENDES, Geovana Mendonça Lunardi; PLETSCH, Marcia Denise; LOCKMANN, Kamila. Apresentação – Seção temática: Adiando o fim da escola: perspectivas internacionais sobre Educação em tempos de pandemia. Práxis Educativa, Ponta Grossa, v. 15, p. 1-6, 2020.

MORAES, Roque. Uma tempestade de luz: a compreensão possibilitada pela análise textual discursiva. Ciência & Educação, Bauru, v. 9, n. 2, p. 191-211, 2003.

MORAES, Roque; GALIAZZI, Maria do Carmo. Análise Textual Discursiva. 3. ed. Ijuí: Editora da Unijuí, 2016.

PAVANELLO, Regina Maria; NOGUEIRA, Cléia Maria Ignatus. Avaliação em Matemática: algumas considerações. Estudos em Avaliação Educacional, São Paulo, v. 17, n. 33, p. 29-42, 2006.

PEREIRA, Fernanda Angelo; MOTA, Maria das Mercês Coutinho; SCORTEGAGNA, Liamara. Avaliação de objetos de aprendizagem: uma ferramenta prática para o Ensino de Estatística. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, São Paulo, v. 11, n. 6, p. 192-208, out./dez. 2020.

SANTOS, Leonor. Avaliação das aprendizagens em Matemática. Quadrante, Lisboa, v. 12, n. 1, p. 1-5, 2003.

SANTOS, Leonor. Avaliação em torno da avaliação pedagógica. In: ORTIGÃO, Maria Isabel Ramalho; LOPES, Alice Casimiro; DOMINGOS, Fernandes; PERREIRA, Talita Vidal; MACEDO, Elizabeth (Org.). Avaliar para aprender em Brasil e em Portugal: perspectivas teóricas, práticas e de desenvolvimento. Curitiba: CRV, 2019, p. 165-190.

SANTOS, Leonor; PINTO, Jorge. Ensino de conteúdos escolares: a avaliação como fator estruturante. In: VEIGA, Feliciano Henriques. (Org.). O ensino na escola de hoje: teoria, investigação e aplicação. Lisboa: Climepsi, 2018, p. 503-539.

SANTOS, Patrik Marques dos; NICOT, Yuri Expósito; MARQUES, Ataiany dos Santos Veloso. O aplicativo Plickers como instrumento de avaliação da aprendizagem no ensino de Física. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, São Paulo, v. 11, n. 5, p. 146-164, 2020.

SILVA, Giane Correia; LARA-SILVA, Viridiana Alves de. Avaliação da/para aprendizagem. In: BRANDALISE, Mary Ângela Teixeira. (Org.). Avaliação educacional: interfaces de conceitos, termos e perspectivas. Ponta Grossa: Editora da UEPG, 2020, p. 63-69.

SOUZA, Juliana Alves de; INNOCENTI, Mariana Souza. Avaliação da aprendizagem escolar em matemática no contexto remoto: reflexões a partir de dizeres docentes. Meta: Avaliação, Rio de Janeiro, v. 14, n. 43, p. 292-315, abr./jun. 2022.

VAZ, Rafael Filipe Novôa; NASSER, Lilian. Um estudo sobre o feedback formativo na avaliação em Matemática e sua conexão com a atribuição de notas. Bolema, Rio Claro, v. 35, n. 69, p. 1-21, abr. 2021.

Downloads

Publicado

26.01.2023

Como Citar

SILVA, Giane Correia; BRANDALISE, Mary Angela Teixeira. Avaliação das aprendizagens no Ensino Remoto Emergencial: a percepção de licenciandos em Matemática. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, São Paulo, v. 14, n. 1, p. 1–25, 2023. DOI: 10.26843/rencima.v14n1a23. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/rencima/article/view/3826. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos