Importância do ensino de Matemática para estudantes da Área da Saúde: uma experiência no curso de graduação em Farmácia

Autores

  • Carlos Henrique de Jesus Costa Universidade Cruzeiro do Sul
  • Fabiana Aparecida Vilaça Universidade Cruzeiro do Sul
  • Ana Claudia Siqueira Universidade Cruzeiro do Sul

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v10i1.2255

Palavras-chave:

Matemática, Farmácia, Ensino

Resumo

São atribuições dos farmacêuticos o preparo e administração de medicamentos, epidemiologia, reconciliação medicamentosa, leitura e diagnóstico de exames laboratoriais. Qualquer erro de cálculos matemáticos nas atividades citadas, poderá causar graves danos à vida do paciente e até mesmo, levá-lo à óbito. Por esse motivo, é indispensável que profissionais farmacêuticos tenham sólidos conhecimentos matemáticos para realizar esses cálculos. Este trabalho, que é um relato de experiência, tem como objetivo promover a discussão sobre a importância do ensino de matemática para os estudantes de farmácia. Para tanto, realizamos uma revisão bibliográfica associada com uma pesquisa qualitativa com discentes do quinto semestre do Curso de Graduação em Farmácia de uma Universidade particular do município de São Paulo, que demonstrou que os estudantes, apesar de reconhecerem, com o decorrer do curso, a importância da matemática em sua vida profissional como farmacêuticos, ainda assim, mostram-se reticentes ao estudo da mesma.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANDRADE, Rui Skroch de. SAMPAIO, Maria Eugênia de Carvalho e Silva. Fundamentos matemáticos para o Curso Técnico em Enfermagem. In: XXV CONGRESSO DE MATEMÁTICA APLICADA E COMPUTACIONAL, 25. 2002, Curitiba, Anais... Curitiba, SBMAC, 2002

BRASIL, Ministério da Educação e Cultura e do Desporto. RESOLUÇÃO CNE/CES 2, DE 19 DE FEVEREIRO DE 2002. Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Farmácia. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CES112002.pdf . Acesso em: 15/03/2016

CRESWELL, J.W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 2 ed. Porto Alegre: Artmed, 2007

D´AMBRÓSIO, Beatriz. Formação de professores de matemática para o século XXI: ogrande desafio. Pró-posições, Campinas, v. 4, n. 1, mar. 1993.

LAKATOS, E. M,; MARCONI, M. A. Fundamentos de Metodologia Científica. 5 ed. São Paulo: Atlas, 2003

RICHARDSON, R. Pesquisa Social: métodos e técnicas. 3.ed. São Paulo: Atlas, 2007

SOUZA, Antonio Carlos Carrera de. Sensos matemáticos: uma abordagem externalista da matemática. F.E. UNICAMP/DEME. Campinas: 1992.

Downloads

Publicado

01.01.2019

Como Citar

COSTA, Carlos Henrique de Jesus; VILAÇA, Fabiana Aparecida; SIQUEIRA, Ana Claudia. Importância do ensino de Matemática para estudantes da Área da Saúde: uma experiência no curso de graduação em Farmácia. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, São Paulo, v. 10, n. 1, p. 105–114, 2019. DOI: 10.26843/rencima.v10i1.2255. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/rencima/article/view/2255. Acesso em: 29 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)