Utilizando manipulação, visualização e tecnologia como suporte ao ensino de Geometria

  • Graziele Rancan Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
  • Lucia Maria Martins Giraffa Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Palavras-chave: Ensino de Geometria, Visualização Espacial, Blogs, Origami

Resumo

Este artigo discute as vantagens e contribuições em se trabalhar o ensino de Geometria fundamentado na observação do objeto em três dimensões, utilizando o processo de análise e visualização , procurando auxiliar os alunos a identificar os elementos em duas dimensões que compõem os objetos e formular suas interrelações. Os resultados obtidos com esta investigação indicaram que a criação de propostas metodológicas que incluam os recursos de comunicação, associados à materiais virtuais e concretos vinculados à sua respectiva visualização e análise, facilitam o entendimento e o estudo dos alunos. A investigação foi desenvolvida na dissertação de mestrado da primeira autora e vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Matemática da PUCRS (Porto Alegre, Brasil). Para fins de validação do estudo e proposta pedagógica foi realizada pesquisa em situação de sala de aula presencial com alunos da 7ª série do Ensino Fundamental, de uma escola estadual do interior do Rio Grande do Sul. Foi criado um blog para facilitar a comunicação e interação entre a professora e os alunos considerando este espaço virtual como uma extensão da sala de aula presencial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABRANTES, Paulo. Investigações em Geometria na sala de aula. In: VELOSO, E.; FONSECA, H.; PONTE, J.; ABRANTES, P. (Org.). Ensino da Geometria no virar do milênio. Lisboa: DEFCUL, p. 51-62, 1999.

AUSUBEL, David. A aprendizagem significativa: a teoria de David Ausubel. São Paulo: Moraes, 1982.

BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática. Secretaria de Educação Fundamental. Brasília: Ministério da Educação/Secretaria de Educação Média e Tecnológica, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais: ensino médio: ciências da natureza, matemática e suas tecnologias. Brasília: Ministério da Educação/Secretaria de Educação Média e Tecnológica, 1999.

ETCHEVERRIA, Teresa Cristina. Educação Continuada em grupos de estudos: Possibilidades com focos no estudo da Geometria. 2008. Dissertação de Mestrado - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008.

FAINGUELERNT, Estela Kaufman. Educação Matemática: Representação e Construção em Geometria. Porto Alegre: Artes Médicas Sul, 1999.

FRIEDMANN, A. O desenvolvimento da criança através do brincar. São Paulo: Moderna, 2006.

ICMI Study. Perspectives on the teaching of geometry for the 21st century. In: MAMMANA, C.; VILLANI, V. (Org.). Perspectives on the teaching of geometry for the 21st century. Londres: Kluwer, 1998.

KALEFF, Ana Maria M. R. Do fazer concreto ao desenho em Geometria. In: LORENZATO, Sérgio. O laboratório de ensino de matemática na formação de professores. Campinas: Autores Associados, 2006.

MOREIRA, Marco Antônio. A teoria da aprendizagem significativa e sua implementação em sala de aula. Brasília: Editora UnB, 2006.

MOREIRA, Marco Antônio. Aprendizagem significativa crítica. Porto Alegre: Centauro, 2009.

PAVANELLO, R. M. O abandono do ensino da Geometria: uma visão histórica. Dissertação de Mestrado. Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Educação. Campinas, 1989.

PIAGET, Jean. A noção do tempo na criança. Rio de Janeiro: Record, 2002.

PIRES, Célia M. C.; CURI, Edda; CAMPOS, Tânia M. M.. Espaço e Forma: A Construção de noções geométricas pelas crianças das quatro séries iniciais do Ensino Fundamental. São Paulo: PROEM, 2000.

POSSANI, Rosemary A. R. Apreensões de representações planas de objetos espaciais em um ambiente de Geometria dinâmica. 2002. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2002.

PRENSKY, Marc. Teaching Digital Natives: Partnering for Real Learning. Thousand Oaks, CA: Corwin, 2010.

RANCAN, G. Origami e Tecnologia: investigando possibilidades para ensinar Geometria no ensino fundamental. 2011. Dissertação de Mestrado - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011.

RÊGO, Rogéria Gaudêncio do; RÊGO, Rômulo Marinho; GAUDÊNCIO, Severino Júnior. A Geometria do Origami. João Pessoa: Editora Universitária/ UFPB, 2003.

VAN HIELE, P. Structure and Insight: a Theory of Mathematics Education. Orlando: Academic Press, 1986.

Publicado
2012-01-01
Como Citar
RANCAN, G.; GIRAFFA, L. Utilizando manipulação, visualização e tecnologia como suporte ao ensino de Geometria. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 3, n. 1, p. 15-27, 1 jan. 2012.
Seção
Artigos Gerais