Contribuições do PIBID na formação do professor de Matemática: estado do conhecimento de 2010-2020

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v14n1a16

Palavras-chave:

PIBID, Políticas Públicas, Saberes Docentes, Matemática, Licenciatura

Resumo

Nesta pesquisa, realizou-se um mapeamento de dissertações e teses que têm como tema central o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID), uma política pública de formação docente. Teve como foco o curso de Licenciatura em Matemática. O objetivo deste trabalho é identificar como a formação de professores foi discutida, por meio dos objetivos definidos nas pesquisas, de acordo com os direcionamentos indagativos e resultados obtidos. A metodologia utilizada para o tratamento dos dados é a Análise de Conteúdo; para a coleta de dados, buscou-se na Biblioteca Digital de Teses e Dissertações (BDTD) por dissertações e teses que tratam da formação de professores por intermédio do PIBID. Os resultados obtidos nas pesquisas analisadas apontam que o PIBID contribui na construção dos saberes docentes dos futuros professores, revelando resultados positivos, a respeito da prática deste programa e seus impactos na   formação do docente que atua na Licenciatura em Matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABREU, Iury Sparctton Melchior. Entre a singularidade e a complexidade da construção de saberes docentes na formação inicial de professores de matemática no contexto do PIBID. 2016. 160f. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências e em Matemática). Universidade Federal de Goiás, Goiânia.

ALBUQUERQUE, Carlos; VELOSO, Eduardo; ROCHA, Isabel; SANTOS, Leonor; SERRAZINA, Lurdes e NÁPOLES, Suzana. A Matemática na formação inicial de professores. Lisboa: APM e SPCE, v. 2003, 2006.

ANDRETTI, Evandro Carlos. As contribuições do PIBID/UNIOESTE na formação de professores: subprojetos de matemática de Cascavel e Foz do Iguaçu. 2017. 129f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Foz do Iguaçu.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016.

BENITES, Vanessa Cerignoni. Formação de professores de matemática: dimensões presentes na relação PIBID e comunidade de prática. 2013. 124f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). Universidade Estadual Paulista, Rio Claro.

BRASIL. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Programa institucional de bolsas e iniciação à docência - PIBID. Brasília: CAPES, 2020. Disponível em https://www.gov.br/CAPES/pt-br/acesso-a-informacao/acoes-e-programas/educacao-basica/pibid; acesso em: 18 de jan. 2022

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Censo da educação superior 2020: notas estatísticas. Brasília: Inep, 2022.

CANTEIRO, Danielle Christiane dos Santos. Impactos do programa institucional de bolsa de iniciação à docência (PIBID) na formação inicial de professores de matemática. 2015. 109f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade de São Paulo. São Paulo.

CARVALHO, Diego Fogaça. O PIBID e as relações com o saber, aprendizagem da docência e pesquisa: caracterização de uma intervenção na formação inicial de professores de Matemática. 2016. 243f. Tese (Doutorado em Ensino de Ciências e Educação Matemática). Universidade Estadual de Londrina. Londrina.

CONCEIÇÃO, Eressiely Batista Oliveira. Singularidades e subjetividades de um grupo do PIBID na área de matemática: Contribuições para o processo de formação de identidade professoral. 2019. 187 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática). Universidade Federal de Sergipe. São Cristóvão.

COSMO, Thaís. Escritas de licenciandos em matemática, quanto à docência, no contexto do PIBID. 2015. 185f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal de São Carlos. São Carlos.

CRUZ, Klêffiton Soares da. O PIBID de matemática como espaço de formação inicial e continuada na UFRN/Natal. 2017. 343f. Dissertação (Mestrado). Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal.

FERREIRA, Maycon Douglas. Narrativas (auto) biográficas no PIBID: espaços de problematização na/para a formação de professores de matemática. 2017. 229f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). Universidade Federal do Mato Grosso do Sul. Campo Grande.

FERREIRA, Norma Sandra de Almeida. As pesquisas denominadas "estado da arte". Educação & sociedade, São Paulo, v. 23, p. 257-272, 2002.

FIORENTINI, Dario. Investigar e aprender em comunidades colaborativas de docentes da escola e da universidade. ENCONTRO NACIONAL DE DIDÁTICA E PRÁTICA DE ENSINO, 2012, Campinas. Anais do XVI ENDIPE — Didática e Práticas de Ensino: compromisso com a escola pública, laica, gratuita e de qualidade. Campinas: Unicamp: 2012, v. 16, p. 239-252.

FONSECA, João José Saraiva da. Apostila de metodologia da pesquisa científica. Fortaleza: Universidade Estadual do Ceará, 2002.

GATTI, Bernardete Angelina. A pesquisa em educação e o campo da formação de educadores. Formação Docente. Revista Brasileira de Pesquisa sobre Formação de Professores, Belo Horizonte, v. 13, n. 28, p. 47-56, 2021.

GATTI, Bernardete Angelina. A pesquisa em educação: pontuando algumas questões metodológicas. Nas Redes da Educação, 2003.

GUIMARÃES, Enderson Lopes. Compreensões de professores supervisores do PIBID quanto ao seu papel na construção de saberes docentes de futuros professores de matemática. 2016. 239f. Dissertação (Mestrado em Ciências e Matemática). Universidade Federal do Paraná. Curitiba.

KOHLS-SANTOS, Pricila; MOROSINI, Marília Costa.O revisitar da metodologia do Estado do Conhecimento para além de uma Revisão Bibliográfica. Revista Panorâmica online, v. 33, 2021.

LARGO, Vanessa. O PIBID e as relações de saber na formação inicial de professores de Matemática. 2013. 220f. Tese (Doutorado em Ensino de Ciências e Educação Matemática). Universidade Estadual de Londrina. Londrina.

LUDKE, Menga; ANDRÉ, Marli. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. Em Aberto, Brasília, v. 5, n. 31, 1986.

MARINS, Alessandra Senes. Conhecimentos Profissionais Mobilizados/desenvolvidos por participantes do PIBID em práticas de Ensino Exploratório de Matemática. 2019. 225f. Tese (Doutorado em Ensino de Ciências e Educação Matemática). Universidade Estadual de Londrina. Londrina.

MELO, Juliana da Cruz de. Investigação matemática pelas vozes do PIBID/UFPR. 2019. 256f. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências e em Matemática). Universidade Federal do Paraná. Curitiba.

MENDONÇA, Silvia Regina Pereira de. Representação social sobre o ensino de Matemática de licenciandos vinculados ao PIBID: dinâmica de formação. 2016. 295f. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal.

MESSINA, Graciela. Estudio sobre el estado da arte de la investigacion acerca de la formación docente en los noventa. Organización de estados iberoamericanos para la educación, la ciência y la cultura. En: Reunión de consulta técnica sobre investigación em formación del professorado. Mexico, 1998.

NEVES, Rayssa Martins de Sousa. Práticas de iniciação à docência: um estudo no PIBID/IFPI/Matemática. 2014. 112f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Uberaba.

PUCETTI, Silvana. A formação do professor de matemática em interface com o PIBID–programa institucional de bolsa de iniciação à docência: as representações de licenciandos e supervisores. 2016. 259f. Tese (Doutorado em Educação). Universidade Metodista de São Paulo. São Bernardo do Campo.

REISDOERFER, Carmen. Sobre as ações do PIBID/matemática na constituição de saberes docentes de ex-bolsistas desse programa na Universidade Federal de Santa Maria. 2015. 206f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal de Santa Maria. Santa Maria.

RODRIGUES, Márcio Urel. Potencialidades do PIBID como espaço formativo para professores de Matemática no Brasil. 2016. 540f. Tese (Doutorado em Educação Matemática). Universidade Estadual Paulista. Rio Claro.

ROMANOWSKI, Joana Paulin; ENS, Romilda Teodora. As pesquisas denominadas do tipo “estado da arte” em educação. Diálogo Educacional, Curitiba, v. 6, n. 19, p. 37-50, 2006.

SANTOS, Lozicler Maria Moro dos. Contribuições do subprojeto pibid/matemática/UFN: percepções de egressos do programa. 2019. 195f. Tese (Doutorado em Ensino de Ciências e Matemática). Universidade Franciscana. Santa Maria.

SANTOS, Roger Eduardo Silva. Formação de professores que ensinam matemática nos anos iniciais: contribuições do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) na UFSCar. 2013. 105f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal de São Carlos. São Carlos.

SERRAZINA, Lurdes; VALE, Isabel; FONSECA, Helena e PIMENTEL, Teresa. Investigações matemáticas e profissionais na formação de professores. In. PONTE, João Pedro da. COSTA. Conceição. ROSENDO, Ana Isabel. Maia, Ema. FIGUEIREDO, Nisa e DIONÍSIO, Ana Filipa. (Ed.), Actividades de investigação na aprendizagem da matemática e na formação de professores. Coimbra: Gráfica 2000, 2002, p. 41-58.

SILVA, Anelândia Maria da Conceição. Uma história do PIBID de Matemática da UERN/Mossoró-RN (2009-2018): memórias em um documentário. 2019. 262f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal.

SILVA, Danielli Ferreira. Processo de iniciação à docência de professores de matemática: olhares de egressos do PIBID/UFSCAR. 2014. 159f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal de São Carlos. São Carlos.

SOUZA, Maria Aparecida Silva de. PIBID: significados na formação inicial de professores de Matemática. 2018. 206f. Tese (Doutorado em Educação Matemática). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo.

TARDIF, Maurice. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2014.

TINTI, Douglas da Silva. PIBID: um estudo sobre suas contribuições para o processo formativo de alunos de Licenciatura em Matemática da PUC-SP. 2012. 148f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo.

VIEIRA, Andrea Cristina. Um estudo sobre as contribuições do PIBID-FURB para a formação inicial de professores de Matemática. 2014. 99f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências Naturais e Matemática). Universidade Regional de Blumenau. Blumenau.

WEBER, Silke. O Plano Nacional de Educação e a valorização docente: confluência do debate nacional. Cadernos Cedes, São Paulo, v. 35, p. 495-515, 2015.

ZAQUEU, Ana Claudia Molina. O Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) na formação de professores de matemática: perspectivas de ex-bolsistas. 2014. 267f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). Universidade Estadual Paulista. Rio Claro.

Downloads

Publicado

2023-01-01

Como Citar

SOUZA, J. N.; MACÊDO, J. A. de .; CRISÓSTOMO, E. Contribuições do PIBID na formação do professor de Matemática: estado do conhecimento de 2010-2020. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 14, n. 1, p. 1–25, 2023. DOI: 10.26843/rencima.v14n1a16. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/4412. Acesso em: 27 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos