Mathematics learning and the students' reality in the context of rice farming

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v13n5a10

Palavras-chave:

Learning, Daily, Critical Mathematics Education, Rice Farming, Environment

Resumo

The paper presents the planning and implementation of a classroom practice, with the aim of analyzing the articulation of students' reality and the learning process in mathematics. The students' reality considered refers to a municipality in which rice farming predominates and there is also a project to implement an environmental protection park. The study has a qualitative approach, and analyzes the classroom process and the data derived from it. The central theoretical contribution is based on Critical Mathematics Education, both in practice planning and in data analysis. The results indicate the importance of considering the reality of students in the classroom by allowing an attribution of meaning to the mathematical concepts covered, by allowing a reading of reality based on mathematical interpretation, and by allowing reflections on reality by articulating the background and foreground from the students.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

APOLINÁRIO, Vladinei Gomes; BERNARDI, Lucí Teresinha Marchiori dos Santos. Os conceitos estruturantes de foreground sob as lentes da pesquisa brasileira. RenCiMa, São Paulo, v. 12, n. 3, p. 1-20, 2021.

BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 1994.

BRASIL. Conab: Companhia Nacional de Abastecimento. Brasília, 2019.

BRASIL. Serviço Geológico do Brasil. Brasília, 2021.

D’AMBROSIO, Ubiratan. Educação matemática: da teoria à prática. Campinas, SP: Papirus Editora, 2012.

FREITAS, Bernadete Maria Coelho; BOMBARDI, Larissa Mies. A política nacional de irrigação e o uso de agrotóxicos no Brasil: contaminação e intoxicações no Ceará. GEOgraphia, Niterói, v. 20, n. 43, p. 86-100, 2018.

GASPARINI, Marina Favrim; VIEIRA, Paulo Freire. A (in)visibilidade social da poluição por agrotóxicos nas práticas de rizicultura irrigada: síntese de um estudo de percepção de risco em comunidades sediadas na zona costeira de Santa Catarina. Desenvolvimento e Meio Ambiente, Curitiba, v. 21, n. 0, p. 115-127, 2010.

GODOY, Michel Marques; BINOTTO, Raquel Barros; WILDNER, Wilson. Geoparque Caminhos dos Cânions do Sul (RS/SC): proposta. In: SCHOBBENHAUS, Carlos; SILVA, Cassio Roberto da (Org.). Geoparques do Brasil: propostas. Rio de Janeiro: CPRM, 2012. v. 1, p. 457-492.

JEOVANIO-SILVA, Vanessa Regal Maione; JEOVANIO-SILVA, Andre Luiz; CARDOSO, Sheila Pressentin. Um olhar docente sobre as dificuldades do trabalho da Educação Ambiental na escola. RenCiMa, São Paulo, v. 9, n. 5, p. 256-272, 2018.

KNIJNIK, Gelsa et al. Etnomatemática em movimento. São Paulo: Autêntica, 2013.

NETO, Aroldo Antonio de Oliveira (org.). A cultura do arroz. Brasília: Conab, 2015.

RIBEIRO, Elizete Maria Possamai. Rizipiscicultura: lucro para o agricultor, ganho para o meio ambiente. 2001. 162f. Dissertação (Mestrado em Engenharia da Produção) — Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis.

SKOVSMOSE, Ole et al. A aprendizagem matemática em uma posição de fronteira: foregrounds e intencionalidade de estudantes de uma favela brasileira. Bolema, Rio Claro, v. 26, n. 42a, p. 231–260, 2012.

SKOVSMOSE, Ole. Cenários para Investigação. Bolema, Rio Claro, SP, v. 13, n. 14, p. 66-91, 2000.

SKOVSMOSE, Ole. Dialogic Teaching and Learning in Mathematics Education. In: LERMAN, Stephen. (Org.). Encyclopedia of Mathematics Education. Cham: Springer International Publishing, 2020. p. 195-197.

SKOVSMOSE, Ole. Educação matemática crítica: a questão da democracia. Campinas, SP: Papirus, 2001.

SKOVSMOSE, Ole. Um convite à educação matemática crítica. Campinas: Papirus, 2014.

Publicado

2022-10-01

Como Citar

PARAOL, C. da S. M.; STORMOWSKI, V. Mathematics learning and the students’ reality in the context of rice farming. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 13, n. 5, 2022. DOI: 10.26843/rencima.v13n5a10. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/3822. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos