Retratos de (não) leitores de artigos de divulgação científica

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v13n4a29

Palavras-chave:

Letramento, Divulgação Científica, Escola, Família

Resumo

Este trabalho analisa práticas de leitura de materiais impressos de divulgação científica de pais e alunos de uma escola pública e a relação com a constituição de leitores de uma revista de divulgação científica para crianças. Para a realização desta investigação, elaboramos dois questionários. O primeiro, enviado às famílias, teve o objetivo de investigar os materiais de leitura presentes no ambiente familiar e as preferências de leitura. O segundo questionário foi respondido pelas crianças, em sala de aula, com o objetivo de analisar o conhecimento sobre a única revista de divulgação científica produzida no Brasil para o público infantil. Conforme evidenciam os dados, a maioria das crianças não conhecem a Ciência Hoje das Crianças, embora algumas reconheçam marcas necessárias ao início da construção de significados que imprimem compreensibilidade à aquisição de competências de leitura. A interação de textos de divulgação científica depende das práticas de leitura ensejadas, sobretudo na escola, principal agência de letramento em nossa sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ABREU, M. Os números da cultura. In: RIBEIRO, Vera (Org.). Letramento no Brasil: reflexões a partir do INAF 2001. São Paulo: Global, 2003.

ALMEIDA, S. A. de. Interações e práticas de letramento mediadas pela revista Ciência Hoje das Crianças. 2011. 268f. Tese (Doutorado) — Faculdade de Educação. Universidade de São Paulo. São Paulo.

BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. São Paulo, Martins Fontes, 2003.

EVANGELISTA, A. A. M. Condições de construção de leitores alfabetizandos: um estudo na escola e na família em camadas populares. 1993. 246f. Dissertação (Mestrado) — Faculdade de Educação. Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte.

GRILLO, S. V. C. A divulgação científica na esfera midiática. Revista Intercâmbio, v. 15, p. 1-10, 2006.

LACOMBE, M. S. C. A veiculação da ciência nas capas de revistas: o caso da revista Galileu. 2012. 128f. Dissertação (Mestrado) — Centro de Educação e Ciências Tecnológicas. Universidade Federal de São Carlos. São Carlos, 2012.

LAHIRE, B. Sucesso escolar nos meios populares: as razões do improvável. São Paulo: Ática,1997.

MASSARANI, L; DIAS, E. M. S. José Reis: reflexões sobre a divulgação científica. Rio de Janeiro: Fiocruz/COC, 2018.

MASSARANI, L. Reflexiones sobre la divulgación científica para niños. Quark, 2017.

KRAMER, S. A infância e sua singularidade. In: BRASIL. Ministério da Educação. Ensino fundamental de nove anos: orientações para a inclusão da criança de 6 anos de idade. Brasília, 2006.

OLIVEIRA, A. P. F. Enunciados verbovisuais na Ciência Hoje das Crianças: uma análise dialógica. 2010. 124f. Dissertação (Mestrado) — Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas. Universidade de São Paulo. São Paulo.

PEREIRA, Anderson Gonçalves. Despertai!: conhecendo quem são seus leitores. 2013. 163f. Dissertação (Mestrado em Letras). Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo, 2013.

ROJO, R. O letramento escolar e os textos da Divulgação Científica - A apropriação dos gêneros do discurso na escola. Linguagem em (Dis)curso, v. 8, n. 3, p. 581-612, set./dez. 2008.

SOARES, L. A. Análise do jornal popular Super Notícia sob enfoque crítico e multimodal. ALFA: Revista de Linguística, São Paulo, v. 61, n. 3, 2017.

SOARES, M. B. Letramento: um tema em três gêneros. Belo Horizonte: Autêntica. 1998.

VIEIRA, M. L. Suportes da Escrita. In: FRADE, Isabel Cristina A. da Silva; VAL, Maria da Graça Costa; BREGUNCI, Maria das Graças de Castro (Orgs.). Glossário Ceale. Termos de Alfabetização, Leitura e Escrita para educadores. Belo Horizonte: UFMG, Faculdade de Educação, 2014.

Downloads

Publicado

2022-09-06

Como Citar

ALMEIDA, S. A. Retratos de (não) leitores de artigos de divulgação científica. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 13, n. 4, p. 1-20, 2022. DOI: 10.26843/rencima.v13n4a29. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/3626. Acesso em: 3 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos