Tópicos de Física Moderna no Livro Didático “Física, v. 3 - Ciclo Colegial (1959)” do Autor Aníbal Freitas

Palavras-chave: Livro Didático, Física Moderna, Ensino de Física

Resumo

O estudo do livro didático, recurso educacional amplamente empregado no meio escolar, contribui para o entendimento dos métodos e conceitos adotados pelos autores em suas épocas e proporciona conhecimentos acerca do desenvolvimento de uma disciplina. Assim sendo, o presente artigo tem como objetivo analisar a maneira com que tópicos de Física Moderna são abordados e estruturados no livro didático “Física, 3º Livro - Ciclo Colegial”, de Aníbal Freitas, na edição publicada em 1959 no Brasil. Para tal, observou-se o último capítulo do livro, intitulado “Teorias Modernas da Física” e buscou-se analisar  o modo com que o mesmo foi organizado para cumprir as legislações e instruções metodológicas, bem como torná-lo ao alcance dos alunos do ensino secundário, critérios estabelecidos pelo autor no parágrafo introdutório do capítulo. As teorias apresentadas incluem mecânica eletromagnética, teoria da relatividade e mecânica ondulatória, perpassando por nomes como Lorenz, Michelson, Einstein, Planck e Schrödinger. Concluiu-se que o capítulo atende, de maneira geral, às instruções metodológicas previstas na legislação e que alcança seu objetivo de fazer um apanhado das teorias que então exerciam maior influência na explicação dos fenômenos físicos, apesar de o fazer apenas de maneira introdutória.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVETTI, Marco Antônio Simas. Ensino de Física Moderna e Contemporânea e a Revista Ciência Hoje. 1999. 170 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Centro de Ciências da Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

BITTENCOURT, Circe Maria Fernandes. Autores e editores de compêndios e livros de leitura (1810-1910). Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 30, n. 3, p. 475-491, set./dez. de 2004. Anual.

BRAGHINI, Katya Mitsuko Zuquim. O ensino secundário brasileiro nos anos 1950 e a questão da qualidade de ensino. 2005. 172 f. Dissertação (Mestrado em Educação: História Política e Sociedade) - Puc-Sp, São Paulo.

BRASIL. Orientações Educacionais Complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Médio (PCN+): Ciências da Natureza e suas Tecnologias. MEC, Brasília, 2002.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. MEC, Brasília, 2021.

CHOPPIN, Alain. História dos livros e das edições didáticas: sobre o estado da arte. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 30, n. 3, p. 549-566, set./dez. 2004. Anual.

FERREIRA, Rodrigo Medeiros. Física Moderna: divulgação e acessibilidade no Ensino Médio através das histórias em quadrinhos. 2013. 84 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática - Área de Concentração "ensino de Física") - Universidade Federal de Alagoas, Maceió.

FREITAS, Aníbal. Física: 3º livro - Ciclo Colegial. 10. ed. São Paulo: Edições Melhoramentos: 1959. 457 p.

GIL, Daniel Pérez; SENENT, Fernando; SOLBES, Jordi. Análisis critico de la introducción de la física moderna en la enseñanza media. Revista de Enseñanza de la Física, Rosario, v. 2, n. 1, p. 16-21, abr. 1988.

LAJOLO, Marisa. Livro didático: um (quase) manual de usuário. Em Aberto, Brasília, ano 16, n. 69, p. 3-9, jan./mar. 1996.

LEMME, Paschoal. O Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova e suas repercussões na realidade educacional brasileira. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 212, n. 86, p. 163-178, jan. 2005.

LORENZ, Karl Michael. Os livros didáticos e o ensino de ciências na escola secundária brasileiro no século XIX. Ciência e Cultura, v. 3, n. 38, p. 426-434, mar. 1986.

LORENZ, Karl Michael. Os livros didáticos de Ciências na Escola Secundária Brasileira: 1900 a 1950. Educar, Curitiba, n. 10, p. 71-79, 1995. Editora da UFPR.

MARTINS, Valéria Rosa. O ensino da física moderna nos livros didáticos do início do século XX. 2015. 90 f. Dissertação (Mestrado em Ensino de Ciências) - Faculdade de Educação, Instituto de Física, Instituto de Química e Instituto de Biociências, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2015.

OSTERMANN, Fernanda; MOREIRA, Marco Antonio. Uma revisão bibliográfica sobre a área de pesquisa “Física Moderna e Contemporânea no Ensino Médio”. Investigações em Ensino de Ciências, Porto Alegre, RS, v. 5, p. 23-48, 2000.

PEREIRA, Patrícia do Nascimento; GUERINI, Silvete Coradi; SÁ-SILVA, Jackson Ronie. Os conteúdos de Física Moderna em livros didáticos de Física do Ensino Médio. Debates em Educação, Maceió, v. 11, n. 24, mai./ago., 2019.

PREFEITURA DE CAMPINAS. Busto Aníbal de Freitas.

RIBEIRO, Fábio. Instruções Metodológicas Estatais e Direções ao Professor nos Livros Didáticos Voltados ao Ensino Secundário (1930-1960). Revista história, histórias, v. 5, n. 10, ago. dez. 2017.

TERRAZZAN, Eduardo Adolfo. A inserção da Física Moderna e Contemporânea no ensino de física na escola de 2º grau. Cad. Cat. Ens. Fís., Florianópolis, v. 9, n. 3: p. 209-214, dez.1992.

Publicado
2021-06-06
Como Citar
SILVA, P.; EISSLER, R. Tópicos de Física Moderna no Livro Didático “Física, v. 3 - Ciclo Colegial (1959)” do Autor Aníbal Freitas. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 12, n. 3, p. 1-20, 6 jun. 2021.
Seção
Artigos Gerais