Aulas remotas durante a pandemia da COVID-19 no curso de Ciências Biológicas no Instituto Federal do Maranhão

Palavras-chave: Ciências Biológicas, Ensino Remoto, Tecnologias

Resumo

A pandemia da COVID-19 atingiu diversos países, levando ao fechamento das escolas e à expansão do uso das tecnologias na educação. A pesquisa teve como objetivo avaliar a produtividade nas aulas remotas e a continuidade do aprendizado dos alunos por meio do uso das tecnologias da informação e comunicação. O estudo foi desenvolvido com alunos do curso de Ciências Biológicas do Instituto Federal do Maranhão, Campus São Raimundo das Mangabeiras, os quais responderam um formulário eletrônico com perguntas abertas e fechadas sobre o ensino remoto e tecnologias educacionais. A abordagem da pesquisa utilizada foi quali-quantitativa. As respostas foram submetidas à análise textual discursiva e estatística descritiva. Os resultados indicaram que a maioria dos alunos possui domínio no uso das tecnologias, e que a qualidade das conexões de internet interferiu no desempenho acadêmico, fatores psicológicos pessoais e relacionados à pandemia também afetaram o desempenho, as desigualdades sociais, principalmente a renda interferiu diretamente no processo de ensino e aprendizagem. Os que possuem menores condições financeiras foram contemplados com auxílio inclusão digital. O aprendizado foi considerado satisfatório levando em conta os entraves causados pela pandemia. Portanto, a multiplicidade de metodologias é necessária para tornar o processo de ensino e aprendizagem inclusivo e integrativo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

APPENZELLER, S. et al. Novos tempos, novos desafios: estratégias para equidade de acesso ao ensino remoto emergencial. Revista Brasileira de Educação Médica, v. 44, e0155, 2020.

BARACH P. et. al. COVID-19 and medical education: risks, benefits and institutional obligations during a global pandemic. Mayo Clinic Proceedings, v. 10, n. 17, PMC7584423, 2020.

BITENCOURT, B. M.; SEVERO, M. B.; GALLON, S. Avaliação da aprendizagem no ensino superior: desafios e potencialidades na educação à distância. Revista Eletrônica de Educação, v. 7, n. 2, p. 211–226, 2013.

BRASIL, Congresso Nacional. Projeto de lei nº 4538 de 2020. Diário do Senado Federal, ano LXXV, n. 124, p. 1–6, Brasília, DF, 12 set. 2020.

BRASIL, Ministério da Educação. Gabinete do Ministro. Portaria nº 544, de 16 de junho de 2020. Diário Oficial da União, ed. 114, seção 1, p. 62, Brasília, DF, 17 de jun. 2020.

BRASIL, Ministério da Saúde. Resolução nº 510, de 7 de abril de 2016. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 7 abr. 2016.

CARVALHO, F. C. A.; IVANOFF, G. B. Tecnologias que educam ensinar e aprender com as tecnologias de informação e comunicação. São Paulo: Pearson, 2010.

CARDOSO, C. A.; FERREIRA, V. A.; BARBOSA, F. C. G. (Des)igualdade de acesso à educação em tempos de pandemia: uma análise do acesso às tecnologias e das alternativas de ensino remoto. Revista com Censo, v. 7, n. 3, p. 38–46, 2020.

COSTA, P. M.; NASCIMENTO, G.; ROCHA, M. O impacto do uso de tecnologias no desempenho docente – estudo comparativo entre Brasil e Portugal. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 11, n. 6, p. 607–623, 2020.

CORREIO, E. S. L.; GONÇALVES, J. P. Atribuições da vida pessoal de jovens adultos universitários e interferência no desempenho acadêmico. Revista de Ensino, Educação e Ciências Humanas, v. 20, n. 4, p. 422–429, 2019.

CUNHA, L. F. F.; SILVA, A. C.; SILVA, A. P. O ensino remoto no Brasil em tempos de pandemia: diálogos acerca da qualidade e do direito e acesso à educação. Revista com Censo, v. 7 n. 3, p. 27–37, 2020.

CHARLES, HODGES. et al. Diferenças entre o aprendizado online e o ensino remoto de emergência. Revista da Escola, Professor, Educação e Tecnologia, v. 2, n. 1, p. 1–12, 2020.

DIAS, E.; PINTO, F. C. F. A educação e a COVID-19. Revista Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 28, n. 108, p. 545–554, 2020.

FREITAS, E. F. Educação inclusiva e dificuldades na aprendizagem: a visão dos docentes da Secretaria de Estado de Secretaria de educação do Distrito Federal. Brasília - DF: Revista com Censo, v. 7, n. 3, p. 95–104, 2020.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2017.

GOMEZ, E.; AZADI, J.; MAGID, D. Innovation born in isolation: rapid transformation of an in-person medical student radiology elective to a remote learning experience during the COVID-19 pandemic. Academic Radiology, v. 27, n. 9, p. 1285–1290, 2020.

GUSSO, H. L. et al. Ensino superior em tempos de pandemia: diretrizes à gestão universitária. Revista Educação & Sociedade, v. 41, e238957, 2020.

HABOWSKI, A. C. As tecnologias na educação: desafios e enfrentamentos à tradição instrumental. Revista Docência e Cibercultura, v. 4, n. 2, p. 235–241, 2020.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Organização do território, estrutura territorial, localidades. Brasília, DF, 2010.

IFMA. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Portaria n° 2. 618, de 12 de junho de 2020.

KLIMOVA, A.; RONDEAU, E. Education for cleaner production in information and communication technologies curriculum. IFAC-Papers OnLine, v. 50, n. 1, p. 12931–12937, 2017.

KNOP, M. F. T. Exclusão digital, diferenças no acesso e uso de tecnologias de informação e comunicação: questões conceituais, metodológicas e empíricas. Caderno eletrônico de ciências sociais, v. 5, n. 2, p. 39–58, 2017.

LIMA, R. C. Distanciamento e isolamento sociais pela COVID-19 no Brasil: impactos na saúde mental. Physis Revista de Saúde Coletiva, v. 30, n. 2, p. 1–10, 2020.

MELO, A. G. Contribuições das TIC’s e da aprendizagem significativa para o processo de ensino-aprendizagem. Revista Docentes, v. 2, n. 3, p. 45–55, 2017.

MEYERS, K.; THOMASSON, M. A. Paralyzed by panic: measuring the effect of school closures during the 1916 polio pandemic on educational attainment. Cambridge: National Bureau of Economic Research, p. 1–29, 2017.

MISHRA, D. L.; GUPTA, D. T.; SHREE, D. A. Online teaching-learning in higher education during lockdown period of COVID-19 pandemic. International Journal of Educational Research Open, v. 10, n. 3, e100012, 2020.

MOTA, J. S. Utilização do Google forms na pesquisa acadêmica. Revista Humanidades e Inovação, v. 6, n. 12, p. 372–380, 2019.

MORAN, J. M. Como utilizar a internet na educação. Revista Ciência da Informação, v. 26, n. 2, p. 1–8, 1997.

MORAES, R.; GALIAZZI, M. C. Análise textual discursiva: processo reconstrutivo de múltiplas faces. Ciência & Educação, v. 12, n. 1, p. 117–128, 2006.

MONTEIROS, R. L. S. G.; SANTOS, D. S. A utilização da ferramenta Google forms como instrumento de avaliação do ensino na escola superior de guerra. Revista Carioca de Ciência, Tecnologia e Educação, v. 4, n. 2, p. 28–38, 2019.

OLIVEIRA, C.; MOURA, S. P. TICs na educação: a utilização das tecnologias da informação e comunicação na aprendizagem do aluno. Revista Pedagogia em Ação, v. 7, n. 1, p. 75–95, 2015.

OLIVEIRA, J. B. A.; GOMES, M.; BARCELLOS, T. A. COVID-19 e a volta às aulas: ouvindo as evidências. Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 28, n. 128, p. 555–578, 2020.

OLIVEIRA, A. N. A pandemia e formação integral: perspectivas para a educação. Revista com Censo, v. 7, n. 3, p. 77–86, 2020.

PALÚ, J.; SCHÜTZ, J. A.; MAYER, L. Desafios da educação em tempos de pandemia. Cruz Alta: Ilustração, 2020.

PEDROCHI JUNIOR, O.; BURIASCO, R. L. C. A avaliação como fio condutor da prática pedagógica. Revista de ensino, Educação e Ciências Humanas, v. 20, n. 4, p. 370–377, 2019.

PLAGG, B. et al. Prolonged social isolation of the elderly during COVID-19: between benefit and damage. Archives of Gerontology and Geriatrics, v. 89, e104086, 2020.

REIS, R. F. et al. Characterization of the COVID-19 pandemic and the impact of uncertainties, mitigation strategies, and underreporting of cases in South Korea, Italy, and Brazil. Chaos, Solitons & Fractals, v. 136, n. 1, e109888, 2020.

ROHMAH, N.; HARIYONO, M.; SHOFIYUDDIN, M. Implementation of Google forms in ECE to face digital era. Advances in Social Science, Education and Humanities Research, v. 249, n. 1, p. 177–180, 2018.

SARAIVA, K.; TRAVERSINI, C.; LOCKMANN, K. A educação em tempos de COVID-19: ensino remoto e exaustão docente. Revista Práxis Educativa, v. 15, e2016289, 2020.

SANTOS, J. R. S.; SOUZA, B. T. C. A utilização das tecnologias da informação e comunicação no ensino de biologia: uma revisão bibliográfica. Revista Multidisciplinar e de Psicologia, v. 13, n. 45, p. 40–59, 2019.

SALES, G. M. Uma análise sobre a avaliação escolar na educação básica. Revista Científica Multidisciplinar Núcleo do Conhecimento, n. 7, v. 2, p. 5–17, 2018.

SILVA, M. E. B.; PIMENTEL, F. S. C. Combate endemia: um protótipo para o ensino de ciências. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, n. 6, v. 11, p. 232–245, 2020.

SILVA, G.; VIANA, M. A. P. As tecnologias na educação: o papel da equipe gestora nas práticas pedagógicas. Revista Dialogia, v. 2, n. 32, p. 183–198, 2019.

SOUSA, M. J. A. Percepções de qualidade dos alunos de aulas remotas de pós-graduação: o estudo em uma IES do estado do Pará. Revista EAD em Foco, v. 10, n. 3, p. 2–13, 2020.

SOARES, D. M. M.; SANTOS, J. D. A.; LOPES, R. V. COVID-19 e a educação nos sistemas de ensino: mapeamento normativo e a garantia da equidade em tempos de pandemia. Revista Observatório, v. 6, n. 3, p. 1–16, 2020.

TISDELL, C. A. Economic, social and political issues raised by the COVID-19 pandemic. Economic Analysis and Policy, v. 68, n. 1, p. 17–28, 2020.

UNESCO. Uma oportunidade para reinventar a escola. Paris.

VERCELLI, L. C. A. Aulas remotas em tempos de COVID-19: a percepção de discentes de um programa de mestrado profissional em educação. Revista @ambiente em Educação, v. 13, n. 2, p. 47–60, 2020.

VIEIRA, K. M. et al. Vida de estudante durante a pandemia: isolamento social, ensino remoto e satisfação com a vida. Revista EAD em Foco, v. 10, n. 3, p. 2–15, 2020.

VILELA, P. S. J. et al. Reflexões sobre a formação inicial de professores de Física na UFMA. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 11, n. 5, p. 261–280, 2020

Publicado
2021-03-30
Como Citar
GONÇALVES, J.; LEITE, A.; ARAÚJO, M. Aulas remotas durante a pandemia da COVID-19 no curso de Ciências Biológicas no Instituto Federal do Maranhão. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 12, n. 1, p. 1-15, 30 mar. 2021.
Seção
Artigos Gerais

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)