O uso de software para o ensino de Matemática no Ensino Médio: um mapeamento de produções brasileiras

Palavras-chave: Softwares, Matemática, Ensino Médio

Resumo

Este artigo apresenta um mapeamento de pesquisas que foram realizadas no período de 2014 a 2019 sobre o modo como softwares vêm sendo utilizados no ensino de Matemática no Brasil. O objetivo é identificar quais os softwares que estão sendo utilizados e como eles vêm contribuindo para o ensino de Matemática, em particular, no Ensino Médio. A metodologia escolhida foi o mapeamento teórico, na perspectiva de Biembengut. Para tanto, foram utilizados como ferramenta de busca, os repositórios Google Acadêmico, Periódico CAPES e SciELO, delimitando as palavras-chave: “Software”; “Matemática”; “Ensino Médio”. A partir desse mapeamento, foram selecionados dez artigos que mais convergiam ao objetivo deste estudo para compor o corpus de análise. Após síntese e análise de cada artigo, foi verificado que o software mais utilizado tem sido o O uso de software para o ensino de Matemática no Ensino Médio: um mapeamento de produções brasileiras Geogebra, com o intuito de revisar e contextualizar o conteúdo que está sendo desenvolvido. Além disso, a maioria dos autores aponta que a utilização de softwares torna as aulas mais enriquecedoras e atrativas para os estudantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BIEMBEGUT, M. S. Mapeamento na pesquisa educacional. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2008.

BORBA, M. C.; SILVA, R. S. R.; GADANIDIS, G. Fases das tecnologias digitais em Educação Matemática: Sala de aula e internet em movimento. Belo Horizonte: Autêntica, 2014.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular: Educar é a base. Brasília: MEC, 2018.

GAROFALO, D. 7 ações para superar as barreiras da tecnologia na sala de aula. Nova Escola, São Paulo, Abril. 2019.

GRAVINA, M. BASSO, M. V. A. Mídias digitais na educação Matemática. In: GRAVINA, M. (org.). Matemática, Mídias Digitais e Didática: tripé para formação do professor de Matemática. Porto Alegre: Evangraf. cap. 1, p. 11-35. 2012.

GRAVINA, M. A.; SANTAROSA, L. M. C. A Aprendizagem da Matemática Em Ambientes Informatizados. Informática na Educação: teoria & prática. v. 2, n. 1. maio, 1999.

MEDEIROS, J. S. R. FONSECA FILHOS, H. D., MATOS, R. S. Uso de celular no ensino de ciências exatas: um estudo de caso. Science and Knowledge in Focus. Macapá, v. 1, n. 2, p. 37-47, 2018.

PAPERT, S. Logo: Computadores e educação. São Paulo: Editora Brasiliense S.A., 1985.

SOFTWARE. In: DICIONÁRIO DO AURÉLIO. 2018.

TAJRA, S. F. Informática na educação: novas ferramentas pedagógicas para o professor da atualidade. 2 ed. São Paulo: Érica, 2000.

TECNOLOGIA. In: DICIONÁRIO DO AURÉLIO. 2018.

VERASZTO, E. V.; SILVA, D.; MIRANDA, N. A.; SIMON, F. O. Tecnologia: Buscando uma definição para o conceito. PRISMA.COM, n. 8, 2009.

Publicado
2021-03-30
Como Citar
GARCIA, F.; MÜLLER, T.; LARA, I. O uso de software para o ensino de Matemática no Ensino Médio: um mapeamento de produções brasileiras. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 12, n. 1, p. 1-17, 30 mar. 2021.
Seção
Artigos Gerais