Uso de materiais didático-pedagógicos lúdicos por egressos do PROFMAT e sua influência no aprendizado em Matemática em Alagoas

  • Milena Farias Universidade Federal de Alagoas
  • Larissa Cândido Universidade Federal de Alagoas
Palavras-chave: materiais lúdicos, Profmat, ensino de Matemática

Resumo

Este artigo relata a experiência dos egressos do Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (Profmat) na Ufal que lecionam Matemática em Alagoas e utilizam materiais didático-pedagógicos lúdicos (ábaco, atividades de corte, colagem ou dobradura, jogos, material dourado, sólidos geométricos, tangram, softwares, entre outros) em suas aulas. Assim, com a aplicação de um questionário eletrônico fomos capazes de apontar resultados positivos na prática pedagógica dos egressos ­­­– como a motivação de seus alunos – mediante o uso de tais materiais. Além disso, embora o Profmat não tenha atividades específicas acerca do uso desses recursos didáticos, os egressos do Profmat na Ufal foram influenciados pelo Programa para utilizar tais materiais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, C.; MORAIS, C. Recursos de apoio ao processo de ensino e aprendizagem da matemática. In I. Vale, T. Pimentel, A. Barbosa, L. Fonseca & P. Canavarro (Orgs.), Números e álgebra: na aprendizagem da matemática e na formação de professores, p. 335-349. Sociedade Portuguesa de Ciências da Educação – Seção de Educação Matemática, Lisboa, 2006.

BARRETO, C. A. A Geometria do Origami como Ferramenta para o Ensino da Geometria Euclidiana na Educação Básica. 2013. 86p. Dissertação (Mestrado Profissional em Matemática) – Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2013.

BEDIM, A. A. P. O ensino de conceitos geométricos no 2º ano do ensino fundamental usando a webquest “viajando nas obras de arte”. 2011. 174p. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Estadual Paulista, Presidente Prudente, 2011.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática. Brasília: MEC/SEF, 1997, 142p.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular (BNCC) Ensino Fundamental. 2017a, 274p. Disponível em: <http://basenacionalcomum.mec.gov.br/ab ase/>. Acesso em: 02 nov. 2018.

BRASIL. Ministério da Educação. Educação Básica: Censo Escolar. 2017b, 24p. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download& alias=81861-divulgacao-censo-2017-vi-pdf&category_slug=janeiro-2018-pdf&Itemid=30192. Acesso em: 25 nov. 2018.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP. Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Brasília: INEP, 2017c. Disponível em: <http://ideb.inep.gov.br/resultado/>. Acesso em: 26 nov. 2018.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira – INEP.

Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Brasília: 2017d. Disponível em: <http://portal.inep.gov.br/artigo/-/asset_publisher/B4AQV9zFY7Bv/content/saeb-2017revel a-que-apenas-1-6-dos-estudantes-brasileiros-do-ensino-medio-demonstraram-niveis-de-a prendizagem-considerados-adequados-em-lingua-portug/21206>. Acesso em: 16 nov. 2018.

BRASIL. Ministério da Educação. Base Nacional Comum Curricular (BNCC) Ensino Médio. 2018, 526p. Disponível em: <http://basenacionalcomum.mec.gov.br/wp- content/uploads/2018/12/BNCC-EM_Vers%C3%A3oCompleta_EmRevis%C3%A3o_06de z.pdf>. Acesso em: 08 dez. 2018.

CARNEIRO, F.; SPINETI, C. Profmat: uma reflexão e alguns resultados. 2017. Disponível em: <http://www.profmat-sbm.org.br/wp-content/uploads/sites/23/2017/07/PROFMAT-relato rio_DIGITAL.pdf >. Acesso em: 8 nov. 2018.

CARNEIRO, F.; SPINETI, C. Profmat: avaliação de possíveis impactos. 2018. Disponível em: <http://www.profmat-sbm.org.br/wp-content/uploads/sites/23/2018/07/PROFMAT- Avali acao-de-possiveis-impactos.pdf >. Acesso em: 8 nov. 2018.

CORDEIRO, M. J.; SILVA, V. N. A importância dos jogos para a aprendizagem da Matemática. Revista Científica Eletrônica de Ciências Sociais Aplicadas da EDUVALE, Jaciara, v. 5, n. 7, p. 1-9, nov. 2012.

COSTA, L. C.; GUERATO, E. Jogos pedagógicos & oficinas: uma parceria nas aulas de Matemática. REnCiMa, Anais do II Seminário Hispano-Brasileiro de Avaliação das Atividades Relacionadas com Ciência, Tecnologia e Sociedade, São Paulo, v. 3, n. 3, p. 304-313. out. 2012.

D'AMBROSIO, B. S. Como ensinar matemática hoje? Temas e Debates. SBEM, Brasília, v. 2, n. 2, p. 5. 1989.

LIMA, J. F. (Coord.). Avaliação Suplementar Externa do Programa de Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (Profmat). Brasília: CAPES, 2013.

MANSO, R, L, D. Origami: Uma Abordagem Pedagógica para o Ensino da Geometria no 9° ano. 2008. 244p. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade de Lisboa, Lisboa, 2008.

MARCONI, M. de A.; LAKATOS, E. M. Fundamentos de Metodologia Científica. 5.ª ed. São Paulo: Atlas, 2003.

NAVARRO, E. P. Uso do GeoGebra no Ensino de Matemática com Atividades de Aplicação em Geometria Analítica: o ponto e a reta. 2013. 58 p. Dissertação (Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional) – Universidade Federal de Rondônia, Porto Velho, 2013.

OLIVEIRA, R. A. Caderno de Atividades e Jogos: material dourado e outros recursos. Paraná, 2012. Disponível em: <http://www.londrina.pr.gov.br/dados/images/stories/Storag e/sec_educacao/canal_educativo/mat_material_dourado.pdf>. Acesso em: 10 dez. 2018.

OLIVEIRA, S. G.; CALEJON, L. M. C. O jogo torre de Hanói para o ensino de conceitos matemáticos. REnCiMa, São Paulo, v. 7, n. 4, p. 149-158, 2016.

PEREIRA, E.; GUERRA, E. A. A utilização de applets no GeoGebra para a aprendizagem da trigonometria no Ensino Médio. REnCiMa, São Paulo, v. 7, n. 3, p. 53-72, 2016.

PIMENTA, A. L.; GAZIRE, E. S. Construindo Poliedros Platônicos com Origami: Uma perspectiva axiomática. 1ª ed. Novas Edições Acadêmicas, 2018.

PROFMAT. Análise Profmat: Quem é o professor de Matemática da Escola Básica? Um perfil qualitativo-quantitativo extraído dos Exames de Acesso ao PROFMAT. Rio de Janeiro: 2013. Disponível em: <https://ufsj.edu.br/portal2-repositorio/File/profmat/ SBM_PROFMAT_relatorio.pdf>. Acesso em: 23 nov. 2018.

PROFMAT. Regimento Profmat. Rio de Janeiro: 2016, p. 1. Disponível em: <http://www. profmat-sbm.org.br/wp-content/uploads/sites/23/2016/08/Regimento_Profmat _ 2016.pdf>. Acesso em: 14 nov. 2018.

PROFMAT. Dissertações do Profmat. Rio de Janeiro: 2018. Disponível em:<http://www. profmat-sbm.org.br/dissertacoes/>. Acesso em: 12 dez. 2018.

TAKAI, A. M. Perspectivas do Profmat: política pública em construção. 2017. 175p. Tese (Doutorado em Educação em Ciências: Química da Vida e Saúde) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2017.

TEIXEIRA, S. A.; NAKATA. M. K. A evolução artística e científica do origami: Um estudo teórico e prático sobre a prática e técnicas das dobraduras. Palíndromo, Florianópolis, v. 9, n. 18, p.142-163, mai./ago. 2017.

VYGOTSKY, L. S. A formação social da mente: o desenvolvimento dos processos psicológicos superiores. 4.ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 1991.

Publicado
2019-12-10
Como Citar
FARIAS, M.; CÂNDIDO, L. Uso de materiais didático-pedagógicos lúdicos por egressos do PROFMAT e sua influência no aprendizado em Matemática em Alagoas. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 10, n. 6, p. 340-359, 10 dez. 2019.
Seção
Artigos Gerais