Jogo Didático como instrumento mediador no ensino de nomenclatura de hidrocarbonetos

Autores

  • Antonio Raiol Palheta Junior Universidade do Estado do Pará
  • Dehmy Jeanny Pedrosa de Barros
  • Arilson Silva da Silva
  • Lucicléia Pereira da Silva

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v9i5.1896

Palavras-chave:

Ensino e aprendizagem, Lúdico, Dominó Químico

Resumo

Com tantos empecilhos para o desenvolvimento de uma educação de qualidade, é importante que o professor busque estratégias de ensino que visem resgatar/despertar o interesse do aluno em estudar, como a utilização de jogos didáticos. Diante disso, este estudo objetivou elaborar e aplicar como estratégia mediadora no ensino de nomenclatura de hidrocarbonetos um jogo didático denominado “Dominó Químico”. A estratégia de ensino foi desenvolvida durante o Estágio Supervisionado: Vivências no Ensino Médio, realizado em duas escolas estaduais de ensino médio, localizadas na cidade de Salvaterra, arquipélago de Marajó, PA. Para coleta de dados, foram aplicados questionários (contendo perguntas abertas e fechadas) para professores e alunos, os dados obtidos foram interpretados, categorizados e agrupados por semelhanças. A estratégia permitiu aos alunos serem construtores do seu conhecimento, a partir de uma participação ativa, possibilitando-lhes agir, refletir e criar hipóteses. O jogo apresentado foi uma alternativa válida para o ensino de nomenclaturas de hidrocarbonetos, pois possibilitou ao aluno formar e nomear diferentes compostos hidrocarbônicos de maneira dinâmica, prazerosa e efetiva.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALVES, L.; BIANCHIN, M. A. O jogo como recurso de aprendizagem. Rev. Psicopedag., São Paulo, v. 27, n. 83, p. 282-287, 2010.

ARAÚJO, C. M. L. R. A importância dos recursos didáticos no ensino de ciências e biologia. 2014. 48f. Monografia (Especialização em Fundamentos de Educação: práticas pedagógicas interdisciplinares) - Universidade Estadual da Paraíba, João Pessoa, 2014.

ARAÚJO, R. G. B.; NASCIMENTO, A. M. S.; VIANA, K. S. L. Baralhos dos Hidrocarbonetos: Uma Proposta de Metodologia Inovadora para o ensino no Conteúdo de Química Orgânica. In: Congresso Nacional de Educação, 3., 2016, Natal, RN. Anais eletrônicos... Natal: CEMEP, v. 1, 2016. Disponível em: <http://www.editorarealize.com.br/revistas/conedu/trabalhosTRABALHO_EV056_MD4_SA18_ID10196_16082016000403.pdf >. Acesso em: 08 jun. 2018.

BENEDETTI FILHO, E; FIORUCCI, A. R.; BENEDETTI, L. P. S.; CRAVEIRO, J. A. Palavras cruzadas como recurso didático no ensino de teoria atômica. Química Nova na Escola, v. 31, n. 2, p. 88-95, 2009.

CAMPOS, L. M. L.; BORTOLOTO, T. M.; FELICIO, A. K. C. A produção de jogos didáticos para o ensino de ciências e biologia: uma proposta para favorecer a aprendizagem. Cadernos dos Núcleos de Ensino, São Paulo, p. 35-48, 2003. Disponível em: <http://www.unesp.br/prograd/PDFNE2002/aproducaodejogos.pdf>. Acesso em: 08 jun. 2018.

CARDOSO, S. P.; COLINVAUX, D. Explorando a Motivação para Estudar Química. Rev. Química Nova, São Paulo, v. 2, n. 23, p. 401-404, 2000.

CAVALCANTI, E. L.; SOARES, M. H. O ludismo e avaliação da aprendizagem: possibilidades para o ensino de química. In: Encontro Nacional de Ensino de Química, 15., 2010, Brasília, DF. Anais eletrônicos... Brasília: SBQ, 2010. Disponível em: <http://www.sbq.org.br/eneq/xv/resumos/R0711-1.pdf>. Acesso em: 08 jun. 2018.

COHEN, L.; MANION, L.; MORRISON, K.; Research Methods in Education. 7. ed., New York: Routledge, 2011.

CUNHA, M. B. Jogos no Ensino de Química: Considerações Teóricas para sua Utilização em Sala de Aula. Química nova na escola, São Paulo, v. 34, n. 2, p. 92-98, 2012.

ELEUTÉRIO, C. S.; GONZAGA, A. M. Jogos didáticos: alternativas no ensino de química. Areté - Revista Amazônica de Ensino de Ciências, Manaus - AM, v. 2, n. 3, p. 66-75, 2009.

GUERRA, E. L. A. Manual de pesquisa qualitativa. Belo Horizonte: Ânima Educação, 2014.

JESUS, I. S.; NOGUEIRA, F. B.; SILVA, E. E.; SANTOS, F. R. O Jogo o elemento que liga como recurso didático no ensino de ligações químicas. Scientia Plena, v. 9, n. 7 (b), 2013.

KAUARK, F. S.; MANHÃES, F. C.; MEDEIROS, C. H. Metodologia da pesquisa: um guia prático. Itabuna: Via Litterarum, v. 18, 2010.

KISHIMOTO, T. M. O jogo e a educação infantil. In: KISHIMOTO, Tizuko Morchida (org). Jogo, Brinquedo, Brincadeira e a Educação. 12. ed., São Paulo: Cortez, 2009.

LIMA, I. M.; OLIVEIRA, A. T.; MARTINS, L. V. Aulas diferenciadas em Ciências Naturais. Areté - Revista Amazônica de Ensino de Ciências, Manaus - AM, v. 9, n. 18, p. 38-47, 2016.

MARUN, D. J. Evasão Escolar no Ensino Médio: um estudo sobre trajetórias escolares acidentadas. 2008. 175 f. Dissertação (Mestrado em Educação: história, política e sociedade) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.

MILITÃO, D. J.; PANTOJA, M. A. F.; ASSIS JUNIOR, P.C.; ROCHA, W. C. A utilização do jogo “três dados” no ensino da nomenclatura oficial de hidrocarbonetos. In: Congresso Brasileiro de Química, 53., 2013, Rio de Janeiro, RJ. Anais eletrônicos... Rio de Janeiro: ABQ, 2013. Disponível em: <http://www.abq.org.br/cbq/2013/trabalhos/6/2648-9862.html>. Acesso em: 10 jun. 2018.

NICÁCIO, S. V.; ALMEIDA, A. G.; CORREIA, M. D. Uso de jogo educacional no ensino de Ciências: uma proposta para estimular a visão integrada dos sistemas fisiológicos humanos. In: Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 11., 2017, Florianópolis, SC. Anais eletrônicos... Florianópolis: UFSC, 2017. Disponível em:

<http://www.abrapecnet.org.br/enpec/xi-enpec/anais/resumos/R2483-1.pdf>. Acesso em: 03 maio 2018.

NICOLA, J. A.; PANIZ, C. M. A importância da utilização de diferentes recursos didáticos no ensino de biologia. Infor, Inov. Form., Rev. NEaD-Unesp, São Paulo, v. 2, n. 1, p. 355-381, 2016.

OLIVEIRA, A. P. S.; BINSFELD, S. C. Contribuições do Jogo Didático na Aprendizagem de Funções Orgânicas no Ensino Médio. In: Encontro Nacional de Ensino de Química, 18., 2016, Florianópolis, SC. Anais eletrônicos... Florianópolis, 2016. Disponível em: <http://www.eneq2016.ufsc.br/anais/resumos/R1814-1.pdf>. Acesso em: 18 jun. 2018.

OLIVEIRA, S. G.; CALEJON, L. M. C. O jogo Torre de Hanói para o ensino de conceitos matemáticos. REnCiMa, v. 7, n. 4, p. 149-158, 2016.

PRODANOV, C. C.; FREITAS, E. C. Metodologia do Trabalho Científico: Métodos e Técnicas da Pesquisa e do Trabalho Acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo-RS: Editora Feevale, 2013.

QUADROS, A. L.; RODRIGUES, A. A. D.; LARES, C. A. R.; MARTINS, D. C. S.; MORAES, F. A. A.; FIGUEIREDO, F. H. S.; FERREIRA, R. F. Química escolar: percepções e expectativas de estudantes do ensino médio. Revista de Iniciação à Docência, v. 2, n. 1, 2017.

RAMOS, E. S.; SANTOS, F. A. C.; LABURÚ, C. E. O uso da ludicidade como ferramenta para o Ensino de Química Orgânica: o que pensam os alunos. ACTIO: Docência em Ciências, Curitiba, v. 2, n. 2, p. 119-136, 2017.

RIBEIRO, M. R. Análise das dificuldades relacionadas ao ensino de Física no ensino médio. 2005. 47 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Física) – Universidade Federal de Uberlândia – Faculdade de Física, Uberlândia-MG, 2005.

ROSSASI, L. B.; POLINARSKI, C. A. Reflexões sobre metodologias para o ensino de biologia: Uma perspectiva a partir da pratica docente. 2007. Disponível em: <http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/491-4.pdf>. Acesso em: 08 jun. 2018.

SANTOS, A. O.; SILVA, R. P.; ANDRADE, D.; LIMA, J. P. M. Dificuldades e motivações de aprendizagem em Química de alunos do ensino médio investigadas em ações do (PIBID/UFS/Química). Scientia Plena, v. 9, n. 7 (b), 2013.

SILVA JÚNIOR, C. A. B; BIZERRA, A. M. C. O lúdico na química: influência da aplicação dos jogos químicos no aprendizado dos alunos dos cursos técnicos de nível médio do

IFRN, Campus Ipanguaçu, RN, Brasil. Revevista Educação, Cultura e Sociedade, Sinop - MT, v. 6, n. 2, p. 397-411, 2016.

SILVA, A. C. R.; LACERDA, P. L.; CLEOPHA, M. G. Jogar e compreender a Química: ressignificando um jogo tradicional em didático. Amazônia Revista de Educação em Ciências e Matemática, v.13, n. 28, p.132-150, 2017.

SILVA, E. G.; SANTOS, S. L.; CAMPOS, A. G.; OLIVEIRA, D. I. F.; ALMEIDA, L. I. M. V. Jogos Interativos: uma abordagem metodológica para auxiliar no processo ensino aprendizagem dos alunos do 6º e 7º anos na Escola Campos Sales em Juscimeira/MT. Revista Monografias Ambientais, Santa Maria - RS, v. 14, p. 23-40, 2015.

SILVA, M. A. S.; SOARES, I. R.; ALVES, F. C.; SANTOS, M. N. B. Utilização de Recursos Didáticos no processo de ensino e aprendizagem de Ciências Naturais em turmas de 8º e 9º anos de uma Escola Pública de Teresina no Piauí. In: Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação, 7., 2012, Palmas, TO. Anais eletrônicos... Palmas: IFTO, 2012. Disponível em: <http://propi.ifto.edu.br/ocs/index.php/connepi/vii/paper/viewFile/3849/2734>. Acesso em: 04 jun. 2018.

SILVA, M. J. D. As causas da evasão escolar: estudo de caso de uma escola pública de Ensino Fundamental no município de Acará-PA. InterEspaço: Revista de Geografia e Interdisciplinaridade, v. 2, n. 6, p. 367-378, 2016.

SILVA, T. C.; AMARAL, C. L. C. Jogos e avaliação no processo ensino-aprendizagem: uma relação possível. REnCiMa, v. 2, n. 1, p. 1-8, jan/jun 2011.

SILVA, T. P.; ALEXANDRINO, D. M.; SOUZA, R. V. Ensino das Funções Orgânicas através da estratégia metodológica do jogo Quí(Mico). In: Congresso Brasileiro de Química, 52., 2012, Recife, PE. Anais eletrônicos... Rio de Janeiro: ABQ, 2012. Disponível em: <http://www.abq.org.br/cbq/2012/trabalhos/6/1414-14432.html>. Acesso em: 04 jun. 2018.

SOARES, M. H. F. B.; OKUMURA, F.; CAVALHEIRO, T. G. Proposta de um jogo didático para ensino do conceito de equilíbrio químico. Química Nova na Escola, n. 18, p. 13-17, 2003.

SOLOMONS, T.W.G; FRYHLE, C. B. Família de compostos de carbonos: grupos funcionais, forças intermoleculares e espectroscopia no infravermelho (IV). In: Química Orgânica. v. 1. 10 ed. Rio de Janeiro: editora LTC, Cap. 2. p. 53-99, 2012.

SOUSA, T. N. R. Evasão e reprovação escolar: o caso de uma escola pública estadual em São Luís-MA. 2013. 141 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Educação) – Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, Lisboa, 2013.

ZANON, D. A. V.; GUERREIRO, M. A. S.; OLIVEIRA, R. C. Jogo didático Ludo Químico para o ensino de nomenclatura dos compostos orgânicos: projeto, produção, aplicação e avaliação. Ciências & Cognição, v. 13, n.1, p. 72-81, 2008.

Downloads

Publicado

2018-12-18

Como Citar

PALHETA JUNIOR, A. R.; BARROS, D. J. P. de; SILVA, A. S. da; SILVA, L. P. da. Jogo Didático como instrumento mediador no ensino de nomenclatura de hidrocarbonetos. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 9, n. 5, p. 114–132, 2018. DOI: 10.26843/rencima.v9i5.1896. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/1896. Acesso em: 3 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos