Proposta pedagógica para utilização do filme Bicho de Sete Cabeças na perspectiva da saude mental e redução de danos do uso abusivo de drogas

Autores

  • Francisco José Figueiredo Coelho Fundação Oswaldo Cruz
  • Marcelo Diniz Monteiro de Barros PUC-MG, Fundação Oswaldo Cruz
  • Talita de Assis Fundação Oswaldo Cruz, SEEDUC/RJ

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v10i5.1366

Palavras-chave:

Educação sobre drogas, Saúde mental, Redução de danos, Cinema na escola, Filme Bicho de Sete Cabeças

Resumo

Este ensaio descreve uma proposta pedagógica para utilização do filme brasileiro Bicho de sete cabeças, promovendo debates sobre a saúde mental e o uso abusivo de drogas entre os jovens. O  audiovisual conta a história de um adolescente que gosta de desafios, como fumar maconha e pichar muros da cidade. O drama familiar atinge seu ápice quando seus pais decidem interná-lo num hospital psiquiátrico. Partindo dessa película, essa proposta metodológica foi construída, sustentada pela experiência docente dos autores em diálogo com a literatura.  Pela sua amplitude, pode ser utilizada na educação básica e no ensino superior, inclusive pelos familiares. Atende as demandas da LDB e dos PCN, abarcando possibilidades de aliar o filme com outros audiovisuais  e  ferramentas (como letras de música e charges) de acesso gratuito. A proposta convida os adolescentes a falarem sobre drogas sem medo, buscando oportunizar conhecer mais sobre o assunto e reduzir danos à saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Francisco José Figueiredo Coelho, Fundação Oswaldo Cruz

Licenciado em Ciências Biológicas (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), Especialista em EaD e em Educação de Jovens e adultos, Diversidade e inclusão social (Universidade Federal Fluminense/2015/2016). Mestre em Tecnologia Educacional nas Ciências da Saúde (Universidade Federal do Rio de Janeiro/2006) e Doutorando em Ensino em Biociências e Saúde (IOC/Fiocruz). Desde 2004 desempenha função docente na Educação pública em níveis básico (SEEDUC/RJ) e superior. Trabalha com formação online de professores em cursos de Formação de Tutores. Foi professor de disciplinas pedagógicas e estágio supervisionado em cursos de Formação de Professores de Pedagogia e Biologia (UERJ/FFP). Pesquisador na área de Formação docente e prevenção ao uso de Drogas do Laboratório de Estudos do Ambiente e Saúde (LEAS/IOC/Fiocruz) e Coordenador de GT no Grupo Interdisciplinar de Educação, Eletroquímica, Saúde, Ambiente e Arte (GIEESAA/UFRJ). Coordenador da disciplina Educação, Drogas e Saúde nas Escolas (FUNDAÇÂO CECIERJ).

Marcelo Diniz Monteiro de Barros, PUC-MG, Fundação Oswaldo Cruz

Professor Adjunto IV do Departamento de Ciências Biológicas da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais; Docente Colaborador do PEBS/IOC/Fiocruz.

Talita de Assis, Fundação Oswaldo Cruz, SEEDUC/RJ

Professora de Educação Física da SEEDUC/RJ; Mestranda de Ensino em Biociências e Saúde do PGEBS.

Downloads

Publicado

07.10.2019

Como Citar

COELHO, Francisco José Figueiredo; BARROS, Marcelo Diniz Monteiro de; ASSIS, Talita de. Proposta pedagógica para utilização do filme Bicho de Sete Cabeças na perspectiva da saude mental e redução de danos do uso abusivo de drogas. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, São Paulo, v. 10, n. 5, p. 301–317, 2019. DOI: 10.26843/rencima.v10i5.1366. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/rencima/article/view/1366. Acesso em: 24 abr. 2024.

Edição

Seção

Artigos