Eletromagnetismo e o anti-herói magneto: uma possível abordagem no Ensino Médio

  • André Coelho da Silva Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Filmes, Ensino Médio, Eletromagnetismo, Movies; High School; Electromagnetism

Resumo

Neste trabalho sugerimos uma possível atividade para ser desenvolvida em sala de aula de Física do Ensino Médio. Nela, procuramos relacionar os poderes do vilão “Magneto” (dos filmes “X-Men”) com conceitos da Física, especialmente aqueles do eletromagnetismo clássico como, por exemplo, os de corrente elétrica, campo magnético e fluxo magnético. Com isso, vislumbramos a possibilidade de que conceitos da Física sejam discutidos de forma mais conectada ao dia-a-dia dos estudantes, o que poderia motivá-los pelo estudo dessa disciplina. A partir de cenas selecionadas de um dos filmes dos X-Men, desenvolvemos uma análise idealizada, simplificada e de cunho predominantemente quantitativo dos poderes apresentados por Magneto. Projetamos como possíveis contribuições da utilização desta abordagem em sala de aula, além da motivação dos estudantes: a) o desenvolvimento de noções como as de ordem de grandeza, relacionando valores de grandezas físicas com o mundo concreto; b) o desenvolvimento da capacidade de estimar valores; c) a familiarização com as unidades de medida de algumas grandezas físicas e d) o desenvolvimento de suas capacidades de criação de modelos explicativos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ALMEIDA, M. J. P. Prescrições e recomendações ao professor na solução de problemas do ensino na educação em ciências. Ciência & Ensino, v. 1, n. 1, p. 47- 51, 2006. Disponível em: http://www.ige.unicamp.br/ojs/index.php/cienciaeensino/article/view/97/97. Acesso em 27/09/12.

ALMEIDA, M. J. P. M. A mediação de um filme de ficção: sonhos de Kurosawa. Ciência & Ensino, n. 9, p. 7-9, dezembro de 2000. Disponível em: http://www.ige.unicamp.br/ojs/index.php/cienciaeensino/article/view/70/70. Acesso em 04/07/12.

CLARKE, A. C. Os Náufragos do Selene. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1984. 265p.

HALLIDAY, D.; RESNICK, R.; WALKER, J. Fundamentos de Física, v. 3 - Eletromagnetismo, 4ª edição, LTC, 1996.

MARVEL. Magneto (Max Eisenhardt). s/d. Disponível em: http://marvel.com/universe/Magneto_(Max_Eisenhardt). Acessado em: 04/07/2012.

NUSSENZVEIG, H. M. Curso de física básica, v. 3. São Paulo - SP: E. Blucher, 1997.

OLIVEIRA, L. D. A Super-Física dos Super-Heróis: Projetos, Física e Super-Poderes. Atas do XVI Simpósio Nacional de Ensino de Física. SBF, São Paulo, p. 1-4, 2005. Disponível em: http://www.sbf1.sbfisica.org.br/eventos/snef/xvi/cd/resumos%5CT0281-1.pdf. Acesso em 04/07/12.

OLIVEIRA, L. D. Aprendendo Física com o Homem-Aranha: Utilizando Cenas do Filme para Discutir Conceitos de Física no Ensino Médio. A Física na Escola, v. 7, n. 2, p. 79-83, 2006. Disponível em: http://www.sbf1.sbfisica.org.br/eventos/snef/xvi/cd/resumos%5CT0325-1.pdf. Acesso em 04/07/12.

PENA, F. L. A. Como trabalhar com “tirinhas” nas Aulas de Física. A Física na Escola, v. 4, n. 2, p. 20-21, 2003. Disponível em: http://www.sbfisica.org.br/fne/Vol4/Num2/v4n2a08.pdf. Acesso em 04/07/12.

PIASSI, L. P. C.; OLIVEIRA, M. P. P. Ficção científica no ensino de Física: Utilizando um romance para desenvolver conceitos. Atas do XVI Simpósio Nacional de Ensino de Física. SBF, São Paulo, p. 1-4, 2005. Disponível em: http://www.sbf1.sbfisica.org.br/eventos/snef/xvi/cd/resumos%5CT0325-1.pdf. Acesso em 04/07/12.

PIASSI, L. P. C.; PIETROCOLA, M. Primeiro contato: ficção científica para abordar os limites do conhecimento em sala de aula. Atas do XVII Simpósio Nacional de Ensino de Física. SBF, São Paulo, p. 1-10, 2007. Disponível em: http://www.sbf1.sbfisica.org.br/eventos/snef/xvii/atas/resumos/T0129-1.pdf. Acesso em: 04/07/12.

PIASSI, L. P. C.; PIETROCOLA, M. Ficção científica e ensino de ciências: para além do método de ‘encontrar erros em filmes’. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 35, n. 3, p. 525-540, set./dez. 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517- 97022009000300008&lng=en&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 04/07/12.

SILVA, H.C. As imagens do espaço no filme contato. Ciência & Ensino, n. 6, p. 5- 10, junho de 1999. Disponível em: http://www.ige.unicamp.br/ojs/index.php/cienciaeensino/article/view/51/50.Acesso em: 04/07/12.

SILVA, L. F.; FERREIRA, R. A. F.; MENDONÇA, C. P.; ANDRADE, J. M. A Física nos filmes de ficção científica: uma proposta de motivação para o estudo da Física. Atas do XVI Simpósio Nacional de Ensino de Física. SBF, São Paulo, p. 1-4, 2005. Disponível em: http://www.sbf1.sbfisica.org.br/eventos/snef/xvi/cd/resumos%5CT0196-1.pdf. Acesso em: 04/07/12.

SOUZA, W.; MOREIRA, L. F. 007 - Permissão para Educar: Uma Aplicação de Recursos de Mídia no Ensino da Física. Atas do XVI Simpósio Nacional de Ensino de Física. SBF, São Paulo, p. 1-5, 2005. Disponível em: http://www.sbf1.sbfisica.org.br/eventos/snef/xvi/cd/resumos%5CT0469-1.pdf. Acesso em: 04/07/12.

TIPLER, Paul Allen. Física, v. 2. Rio de Janeiro, RJ: Guanabara Dois, 1978.

Publicado
2012-07-01
Como Citar
SILVA, A. Eletromagnetismo e o anti-herói magneto: uma possível abordagem no Ensino Médio. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 3, n. 2, p. 125-135, 1 jul. 2012.
Seção
Artigos Gerais