Uma análise sobre os modelos de Educação a Distância (EAD) no cenário brasileiro por meio de uma revisão sistemática da literatura

Autores

  • Gilberto de Almeida Meireles Patrocínio Universidade Cruzeiro do Sul
  • Ismar Frango Silveira Universidade Cruzeiro do Sul
  • Laura Marisa Carnielo Calejon Universidade Cruzeiro do Sul

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v7i1.1115

Palavras-chave:

Educação a Distância, Modelos de Educação a Distância, Revisão Sistemática da Literatura

Resumo

Este artigo tem como objetivo realizar uma análise dos modelos de Educação a Distância no cenário brasileiro por meio de uma revisão sistemática da literatura, a partir de consultas realizadas no Banco de dados da CAPES, no período de 2007 a 2014. A análise foi fundamentada nos estudos de Bardin (2011), sobre a abordagem da Análise de Conteúdo. A categorização, que trata dos objetivos das pesquisas, indicou para a circunstância de que não existe um Modelo único de Educação a Distância e, tampouco existe uma formalização desses modelos no cenário brasileiro, sendo que cada Instituição de Ensino adapta seu próprio modelo. Observou-se ainda que dos 144 trabalhos encontrados, apenas 4 estão relacionados aos modelos de EAD, podendo perceber que são poucas as pesquisas que se preocupam frequentemente desses modelos.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

KITCHENHAM, B. Procedures for perfoming systematic reviews. Techinical Report, nº TR/SE-0401. UK: University, 2004.

MORAN, J. M. Novas tecnologias e Mediação pedagógica. 19. ed. São Paulo: Papirus, 2012.

MORAN, J. M. Modelos e Avaliação do Ensino Superior a Distância no Brasil. Revista Educação Temática Digital, Campinas, v.10, n.2, p. 54-70, jun. 2009.

MORAN, J. M. Aperfeiçoando os modelos de EAD existentes na formação de professores. Revista Educação, Porto Alegre, v. 32, n.3, p. 286-290, set/dez.2009.

ROMANOWSKI, J. P.;ENS, R.T. As pesquisas denominadas do tipo “estado da arte” em educação. Revista Diálogo Educacional, PUCPR, v.6, p.37-50, 2006.

SOUZA, L. C.; CANALLI, H. L. Relatório de Revisão Sistemática da Literatura (SLR) Educação a Distância: Educação a distância, design e tecnologias assistivas para surdos – Um panorama de 2007 a 2013. 2014. 139 p. Relatório (Faculdade de Letras). Universidade Federal de Minas Gerais, 2011.

TORRES, P. L.; SIQUEIRA, L. M. M. Educação Virtual nas Universidades: As Contribuições da aprendizagem colaborativa. Revista de la Educacion LatinoAmericana, Boyacá - Colombia, v. 14, n.19, p. 175-204, 2012.

VIANNEY, J. et. al. Modelos utilizados pela Educação a Distância: uma síntese centrada nas instituições de Ensino Superior brasileiras. Revista Gestão Universitária na América Latina, Florianópolis, v. 4, n. 3, p.153-169, set/dez. 2011.

Downloads

Publicado

2016-03-14

Como Citar

PATROCÍNIO, G. de A. M.; SILVEIRA, I. F.; CALEJON, L. M. C. Uma análise sobre os modelos de Educação a Distância (EAD) no cenário brasileiro por meio de uma revisão sistemática da literatura. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 7, n. 1, p. 74-85, 2016. DOI: 10.26843/rencima.v7i1.1115. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/1115. Acesso em: 27 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>