Reflexões sobre os erros em Estatística: um estudo de caso em um curso de Administração

Autores

  • Denise Helena Lombardo Ferreira Pontifícia Universidade Católica de Campinas
  • Otavio Roberto Jacobini Pontifícia Universidade Católica de Campinas
  • Celso Ribeiro Campos Pontifícia Universidade Católica de Campinas e Universidade Paulista
  • Maria Lúcia Lorenzetti Wotewotzki Universidade Estadual de São Paulo - Rio Claro

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v7i2.1091

Palavras-chave:

Conteúdos estatísticos, Análise de erros, Ensino Superior

Resumo

Embora os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) proponham nos ensinos fundamental e médio a abordagem de conteúdos estatísticos e de probabilidade em uma perspectiva prática e aplicada em cenas do cotidiano, os estudantes continuam chegando à universidade com pouco conhecimento sobre eles. Identificar os erros cometidos na aprendizagem é uma estratégia importante a ser adotada e pode auxiliar na superação de dificuldades. O objetivo desta pesquisa é identificar e analisar alguns erros cometidos por alunos frequentando a disciplina Estatística Aplicada à Administração de um curso de Administração com Ênfase em Logística e Serviços. Os erros identificados são provenientes da interpretação do problema, aplicação das fórmulas e interpretação dos resultados alcançados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Denise Helena Lombardo Ferreira, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Bacharelado em Matemática, UNESP-Rio Claro, 1981

Tecnóloga em Saneamento, UNICAMP-Limeira, 1980

Mestre em Matemática Aplicada, UNICAMP-Campinas, 1986

Doutorado em Educação Matemática, UNESP-Rio Claro, 2003

Professora da PUC-Campinas desde 1986

Otavio Roberto Jacobini, Pontifícia Universidade Católica de Campinas

Doutorado em Educação Matemática, UNESP-Rio Claro

Professor da PUC-Campinas

Celso Ribeiro Campos, Pontifícia Universidade Católica de Campinas e Universidade Paulista

Doutorado em Educação Matemática, UNESP-Rio Claro

Professor da PUC-São Paulo e da UNIP-SP

Maria Lúcia Lorenzetti Wotewotzki, Universidade Estadual de São Paulo - Rio Claro

Doutorado em Matemática, UNESP-Rio Claro

Professora da UNESP-Rio Claro

Referências

BACHELARD, G. La formation de l’esprit scientifique seizième tirage. Paris, Librairie Philosophique J. Vrin, 1938.

BORASI, R. Reconceiving mathematics Instruction: a Focus on Errors. Norwood, NJ: Ablex Publishing Corporation, 1996.

BORTOLI, M. F. Análise de erros em Matemática: um estudo com alunos de ensino superior, 2011, 95 f. Dissertação em Curso de Mestrado Profissionalizante de Ensino de Física e Matemática – Centro Universitário Franciscano, Santa Maria, 2011.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais Matemática. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. – Brasília: MEC/SEMTEC, 1998. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/livro03.pdf>. Acesso em: 17 set. 2012.

BROUSSEAU, G. Ingéniere didaticque. D’um problème à l’etude à priori d’une situation didactique. In: Deuxième école d’eté de didactique des mathématiques. Paris: Olivet, 1982.

BROUSSEAU, G. Os diferentes papéis do professor. In: PARRA, C.; SAIZ, I.. Didática da Matemática: reflexões psicopedagógicas. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996.

CAMPOS, C. R.; WODEWOTZKI, M. L. L.; JACOBINI, O. R. Educação estatística – teoria e prática em ambientes de modelagem matemática. Belo Horizonte: Autência, 2011.

CHICK, H. L.; BAKER, M. K. Investigating Teacher’s Responses to Students Misconceptions. IN: Chick, H. L.; Vicent, J. L. (eds.). Proceedings of the 29th Conference of the International Group for Psychology of Mathematics Education, Anais… 2, p. 249- 256, Melbourne: PME, 2005.

CURY, H. N. Análise de erros em disciplinas matemáticas de cursos superiores. IN: III Seminário de Pesquisa em Educação Matemática, Águas de Lindóia, 2006, Anais ... CD- ROM. Águas de Lindóia: SBEM, 2006.

CURY, H. N. Análise de erros: o que podemos aprender com as respostas dos alunos. Coleção Tendências em Educação Matemática. Ed. Autêntica, 2007.

CURY, H. N. Uma proposta para inserir a análise de erros em cursos de formação de professores de matemática. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v. 15, n. 3, p. 547-562, 2013.

DEL PUERTO, S. M.; MINNAARD, C. L.; SEMINARA, S. A.. Análisis de los errores: una valiosa fuente de información acerca del aprendizaje de las matemáticas. Revista Iberoamericana de Educación, v. 38, n. 4, 10 abril 2006. Disponível em: <http://www.rieoei.org/1285.htm>. Acesso em: 30 abr. 2014.

FERREIRA, D. H. L.; BRUMATTI, R. N. M. Dificuldades em Matemática em um curso de Engenharia Elétrica. Horizontes, 27, 1, 51-60, 2009.

FERREIRA, D. H. L.; JACOBINI, O. R. Modelagem matemática e ambiente de trabalho: uma combinação pedagógica voltada para a aprendizagem. RENCIMA: Revista de Ensino de Ciências e de Matemática. Universidade Cruzeiro do Sul, v. 1, p. 9-26, 2010.

FERREIRA, D. H. L.; JACOBINI, O. R.; CAMPOS, C. R.; WODEWOTZKI, M. L. L. Recursos tecnológicos e modelagem matemática: três experiências na sala de aula. Rematec – Revista de Matemática, Ensino e Cultura, ano 8, n. 14, p. 160-178, 2013.

FUCK, R. S. Análise de erros em geometria: uma investigação com alunos da educação de jovens e adultos (EJA). RENCIMA: Revista de Ensino de Ciências e de Matemática, v. 4, n. 2, p. 16-36, 2013.

GARFIELD, J. The challenge of developing statistical reasoning. Journal of Statistics Education, v. 10, n. 3, 2002.

GARFIELD, J.; GAL, I. Teaching and assessing statistical reasoning. In: Deveoloping Mathematical Reasoning in Grades k-12. National Council of Teachers of Mathematics, p. 207-219. Reston: Ed. L. Staff, 1999.

MIRANDA, F. O. A inserção da Educação Matemática Crítica na escola pública: aberturas, tensões e potencialidades, 2015, 179 f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2015.

PINTO, N. B. O erro como estratégia didática: Estudo do erro no ensino da matemática elementar. Campinas: Papirus, 2000.

POCHULU, M. D. Análisis y categorización de errores en el aprendizaje de la matemática en alumnos que ingresan a la universidad. Revista Iberoamericana de Educación, v. 35, n. 4, 2004. Disponível em: <http://www.campusoei.org/revista/deloslectores/849Pochulu.pdf>. Acesso em: 14 abril 2014.

SANTOS-WAGNER, V. M. P.; BORTOLOTI, R. A. M.; FERREIRA, J. R. Análise das resoluções corretas e erradas de combinatória de futuros professores de Matemática. Educação Matemática Pesquisa. São Paulo, v. 15, n. 3, p. 606-629, 2013.

SEBASTIANE, R. G.; VIALI, L. Testes de Hipóteses: uma Análise dos Erros Cometidos por Alunos de Engenharia. Bolema. Boletim de Educação Matemática, v. 24, p. 47-60, 2011.

VIALI, L.; CURY, H. N. Análise de erros em probabilidade: uma pesquisa com professores em formação continuada. Educação Matemática Pesquisa, v. 11, n. 2, p. 373-391, 2009.

ZANG, C. M.; METZEN, G. A. F. V.; LEÓN, M. N. Un estudio de los errores de alunnos de ingeniería sobre ecuaciones diferenciales. Educação Matemática Pesquisa. São Paulo, v. 15, n. 1, p. 83-100, 2013.

Downloads

Publicado

2016-03-29

Como Citar

FERREIRA, D. H. L.; JACOBINI, O. R.; CAMPOS, C. R.; WOTEWOTZKI, M. L. L. Reflexões sobre os erros em Estatística: um estudo de caso em um curso de Administração. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 7, n. 2, p. 13–24, 2016. DOI: 10.26843/rencima.v7i2.1091. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/1091. Acesso em: 27 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos