A produção de conhecimento sobre sólidos geométricos à luz do Modelo van Hiele

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26843/rencima.v6i1.1033

Palavras-chave:

Educação Matemática, Ensino de Geometria, Modelo van Hiele, Pensamento Geométrico

Resumo

A Geometria Escolar tem se mostrado um tema de grande interesse da comunidade de pesquisadores e educadores matemáticos e um dos referenciais teóricos mais adotados é o modelo van Hiele de desenvolvimento do pensamento geométrico. Este trabalho, além de apresentar a descrição do modelo van Hiele, enfatizando as características de cada nível de classificação do pensamento geométrico, tem como objetivo discutir as contribuições e limitações do referido modelo. A pesquisa envolveu a realização de uma tarefa exploratório-investigativa sobre sólidos geométricos por estudantes de sexto ano do Ensino Fundamental de uma escola pública do interior do estado de São Paulo. A tarefa constituiu-se na construção e classificação de alguns sólidos geométricos e foi conduzida pelo pesquisador, que também era o professor de Matemática da turma. Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa que buscou analisar, à luz do modelo van Hiele, a produção do conhecimento geométrico pelos alunos manifesta em seus diálogos e registros. Também foram consideradas como dados da pesquisa, as anotações do pesquisador realizadas em diário de campo contendo as descrições e as impressões sobre o desenvolvimento das tarefas. Os dados analisados revelaram que o modelo van Hiele consegue explicar de forma satisfatória o desenvolvimento do pensamento geométrico relacionado à classificação de sólidos geométricos apesar de algumas críticas concernentes à heterogeneidade das turmas e à autonomia dos alunos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-03-01

Como Citar

VIEIRA, G.; ALLEVATO, N. S. G. A produção de conhecimento sobre sólidos geométricos à luz do Modelo van Hiele. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, [S. l.], v. 6, n. 1, p. 43–53, 2015. DOI: 10.26843/rencima.v6i1.1033. Disponível em: https://revistapos.cruzeirodosul.edu.br/index.php/rencima/article/view/1033. Acesso em: 27 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>