PERCEPÇÕES SOBRE SER PROFESSOR E MOTIVAÇÕES DE CALOUROS DO CURSO DE LICENCIATURA EM QUÍMICA PARA O INGRESSO NO PIBID

Lucicleia Pereira da Silva, Delson Ribeiro Nunes Neto

Resumo


Nesta pesquisa foram analisadas percepções sobre ser professor, motivações e expectativas iniciais quanto ao ingresso no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID). Os participantes foram calouros do curso de Licenciatura em Química da Universidade do Estado do Pará (UEPA), campus de Barcarena-PA. A pesquisa foi de cunho qualitativo e o corpus constituído por vinte entrevistas realizadas na fase de seleção de bolsas e nove diários de bordo, elaborados por bolsistas ao longo dos quatro primeiros meses. Para interpretação, utilizou-se a análise de conteúdo. Os resultados apontaram que apenas 5% dos calouros tinham a licenciatura em química como opção; 40% acreditam que o professor é um transmissor de conhecimentos; 50% consideram a preparação para docência, principal motivação; 70% possuem a expectativa de se interessarem pela docência e outros 30% almejam adquirir experiência profissional. As ações do programa já têm despertado o interesse pela profissão, incentivado a permanência no curso e desencadeado de forma incipiente o processo de reflexão sobre a prática docente.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26843/rencima.v11i1.2224

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2179-426X

Principais Indexadores e Banco de Dados 

   4fscprrsdbplgx1korycxmt8hz22jwbgfztn2wy3tm8yqmxkqtam7cpmcsaml9ttq_400      base_sumarios-org_696      logo-oei_400      latindex_376 diadorimq_600

 

Licença Creative Commons
A REnCiMa está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional