Ensino de Ciências por investigação: um levantamento em periódicos da área

Palavras-chave: ensino por investigação, ensino de ciências, levantamento bibliográfico

Resumo

Objetivamos levantar artigos científicos em línguas portuguesa e espanhola relacionados ao ensino de ciências por investigação, sistematizando a produção da literatura nesse campo no que diz respeito à natureza dos trabalhos, à distribuição deles ao longo do tempo e ao nível de ensino e disciplinas a eles associados. Realizamos buscas em todas as edições de trinta periódicos eletrônicos classificados nos estratos A1, A2 e B1 da Área de Ensino no Qualis-CAPES quadriênio 2013-2016. Ao todo foram encontrados 101 artigos, metade deles em apenas quatro periódicos. Analisando os resultados obtidos, evidenciamos que: a publicação de trabalhos sobre o ensino por investigação se intensificou apenas a partir de 2014; a maioria deles são de cunho empírico, havendo escassez de artigos de revisão e de artigos que analisam de que maneira essa abordagem se faz presente em recursos como livros didáticos; a maioria dos artigos de cunho empírico se relacionam aos Ensinos Fundamental e Médio, especialmente à Biologia e à Física, havendo certa escassez de trabalhos associados a cursos de Licenciatura e à disciplina Química. Por fim, sugerimos questões que podem auxiliar na ampliação e no aprofundamento deste trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANSÓN, J. A.; TORIJA, B. B. Resultados e implicaciones de una propuesta para promover el desarrollo de las destrezas científicas en un aula de Biología de bachillerato. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 16, n. 1, p. 132-151, 2017.

ARAUJO, R. S.; SANTOS, G. M. O.; BARBOSA, C. C. S. et al. As Leis de Newton e do trânsito em uma sequência de ensino investigativa com enfoque CTS. Revista Ciências & Ideias, v. 8, n. 1, p. 227-236, 2017.

ASSAI, N. D. S.; FREIRE, L. I. F. A utilização de atividades experimentais investigativas e o uso de representações no ensino de cinética química. Experiências em Ensino de Ciências, v. 12, n. 6, p. 153-172, 2017.

AZEVÊDO, L. B. S.; FIREMAN, E. C. Sequência de ensino investigativa: problematizando aulas de ciências nos anos iniciais com conteúdos de eletricidade. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 8, n. 2, p. 143-161, 2017.

BASSOLI, F.; RIBEIRO, F.; GEVEGY, R. Atividades Práticas Investigativas no Ensino de Ciências: trabalhando a fotossíntese. Ciência em Tela, v. 7, n. 1, p. 1-12, 2014.

BELMONT, R. S.; MAXIMO-PEREIRA, M.; LEMOS, E. S. Integrando Física e Educação Física em uma atividade investigativa na perspectiva da teoria da aprendizagem significativa. Experiências em Ensino de Ciências, v. 11, n. 2, p. 124-135, 2016.

BENEDICTO, E. C. P. O caso do esmalte e do isopor: contribuições às atividades investigativas no ensino de química. Experiências em Ensino de Ciências, v. 12, n. 6, p. 243-251, 2017.

BINATTO, P. F.; MARTINS, C. M. C.; DUARTE, A. C. S. Possibilidades e limites para o desenvolvimento de atividades investigativas no ensino de ciências. Ensino de Ciências e Tecnologia em Revista, v. 5, n. 1, p. 62-76, 2015.

BRAGA, R. G.; MATOS, S. A. Kronus: refletindo sobre a construção de um jogo com viés investigativo. Experiências em Ensino de Ciências, v. 8, n. 2, p. 1-19, 2013.

BRICCIA, V.; CARVALHO, A. M. P. Competências e Formação de Docentes dos Anos Iniciais para a Educação Científica. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 18, n. 1, p. 1-22, 2016.

BRITO, L. O.; FIREMAN, E. C. Ensino de Ciências por Investigação: uma estratégia pedagógica para promoção da alfabetização científica nos primeiros anos do ensino fundamental. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 18, n. 1, p. 123-146, 2016.

CAMPOS, N. F.; SCARPA, D. L. Que desafios e Possibilidades Expressam os Licenciandos que Começam a Aprender sobre Ensino de Ciências por Investigação? Tensões entre Visões de Ensino Centradas no Professor e no Estudante. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 18, n. 2, p. 727–759, 2018.

CARMO, A. B. Ensinando quantidade de movimento: como conciliar o tempo restrito com as atividades de ensino investigativas na sala de aula? Ciência em Tela, v. 5, n. 1, p. 1-9, 2012.

CASAL, J. D. ¿Cómo lo medimos? Siete contextos de indagación para detectar y corregir concepciones erróneas sobre magnitudes y unidades. Revista Eureka sobre Enseñanza y Divulgación de las Ciencias, v. 11, n. 3, p. 398-409, 2014.

CHICO, M. M.; LISO, M. R. J.; LUCIO-VILLEGAS, R. L. G. La indagación en las propuestas de formación inicial de maestros: análisis de entrevistas a los formadores de Didáctica de las Ciencias Experimentales. Enseñanza de las Ciencias, v. 32, n. 3, p. 591-608, 2014.

CLEMENT, L.; TERRAZZAN, E. A. Atividades Didáticas de Resolução de Problemas e o Ensino de Conteúdos Procedimentais. Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias, v. 6, n. 1, p. 87-101, 2011.

CLEMENT, L.; TERRAZZAN, E. A. Resolução de problemas de lápis e papel numa abordagem investigativa. Experiências em Ensino de Ciências, v. 7, n. 2, p. 98-116, 2012.

CLEMENT, L.; CUSTÓDIO, J. F.; ALVES FILHO, J. P. Potencialidades do Ensino por Investigação para Promoção da Motivação Autônoma na Educação Científica. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 8, n. 1, p. 101-129, 2015.

CLEMENT, L.; CARMINATTI, N. L.; CUSTÓDIO, J. F.; et al. Possibilidades de se promover a necessidade de pertencimento em aulas de física. Revista Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, v. 11, n. 1, p. 26-42, 2016.

COLOMBO JUNIOR, P. D.; OVIGLI, D. F. B.; PEREIRA, D. R. M.; et al. Ciência na cozinha: rompendo com as barreiras disciplinares. Experiências em Ensino de Ciências, v. 12, n. 1, p. 169-197, 2017.

COSTA, V. A. Uso de dispositivos móviles y de software matemático en la enseñanza por investigación. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 17, n. 3, p. 626-641, 2018.

DAMIN, W.; SANTOS JUNIOR, G.; PEREIRA, R. S. G. Desenvolvimento de competências estatísticas: análise de um caso de ensino por investigação. Revista Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, v. 11, n. 1, p 55-69, 2016.

FERNANDES, G. W. R.; RODRIGUES, A. M.; FERREIRA, C. A. Módulos temáticos virtuais: uma proposta pedagógica para o ensino de ciências e o uso das TICs. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, v. 32, n. 3, p. 934-962, 2015.

FERRAZ, A. T.; SASSERON, L. H. Propósitos epistêmicos para a promoção da argumentação em aulas investigativas. Investigações em Ensino de Ciências, v. 22, n. 1, p. 42-60, 2017.

FERRAZ, A. T.; SASSERON, L. H. Espaço Interativo de Argumentação Colaborativa: condições criadas pelo professor para promover argumentação em aulas investigativas. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 19, p. 1-25, 2017.

FERREIRA, L. H.; HARTWIG, D. R.; OLIVEIRA, R. C. Ensino Experimental de Química: Uma Abordagem Investigativa Contextualizada. Química Nova na Escola, v. 32, n. 2, p. 101-106, 2010.

FRANCO, L. G.; SOUTO, K. C. N.; MUNFORD, D. Articulações entre práticas investigativas, conceitos científicos e tomada de decisão: estudando o mico-estrela nos anos iniciais do ensino fundamental. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 3, p. 1-18, 2018.

GALVÃO, V. S.; PRAIA, J. F. Construir com os professores do 2º ciclo práticas letivas inovadoras: um projeto de pesquisa sobre o ensino do tema curricular 'alimentação humana'. Ciência & Educação, v. 15, n. 3, p. 631-645, 2009.

GAVAZZONI, M.; LUIZ, C. F.; FERRAZ, D. F. et al. Um estudo sobre o ensino por investigação no nível fundamental: o caso das formigas. Revista de Educación en Biología, v. 17, n. 2, p. 101-110, 2014.

GODOY, A. V.; SEGRRA, C. I.; MAURO, M. F. D. Una experiencia de formación docente en el área de Ciencias Naturales basada en la indagación escolar. Revista Eureka sobre Enseñanza y Divulgación de las Ciencias, v. 11, n. 3, p. 381-397, 2014.

GÓMEZ-MARTÍNEZ, Y.; CARVALHO, A. M. P.; SASSERON, L. H. Catalizar la Alfabetización Científica. Una vía desde la articulación entre Enseñanza por Investigación y Argumentación Científica. Revista de Enseñanza de la Física, v. 27, n. 2, p. 19-27, 2015.

GOYA, A.; LABURÚ, C. E. Uma atividade experimental de física por meio de investigação multimodal representacional. Experiências em Ensino de Ciências, v. 9, n. 2, p. 32-44, 2014.

GREGÓRIO, E. A.; OLIVEIRA, L. G.; MATOS, S. A. Uso de simuladores como ferramenta no ensino de conceitos abstratos de biologia: uma proposição investigativa para o ensino de síntese proteica. Experiências em Ensino de Ciências, v. 11, n. 1, p. 101-125, 2016.

KLIEMANN, B. C. K.; VIANA, A.; LIMA, B. G. T. Reflexões de uma proposta investigativa para o sistema locomotor no ensino médio. Experiências em Ensino de Ciências, v. 12, n. 8, p. 276-289, 2017.

LEITE, J. C.; RODRIGUES, M. A.; MAGALHÃES JÚNIOR, C. A. O. Ensino por investigação na visão de professores de Ciências em um contexto de formação continuada. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 8, n. 2, p. 42-56, 2015.

LIMA, M. E. C. C.; DAVID, M. A.; MAGALHÃES, W. F. Ensinar Ciências por Investigação: Um Desafio para os Formadores. Química Nova na Escola, n. 29, p. 24-29, 2008.

LORENZON, M.; SILVA, J. S. Aplicabilidade dos ciclos investigativos nos anos iniciais do Ensino Fundamental. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 11, n. 2, p. 125-145, 2018.

MANZONI-DE-ALMEIDA, D.; MARZIN-JANVIER, P.; TRIVELATO, S. L. F. Analysis of epistemic practices in reports of higher education students groups in carrying out the inquiry-based activity of immunology. Investigações em Ensino de Ciências, v. 21, n. 2, p. 105-120, 2016.

MARTÍNEZ-CHICO, M.; LISO, M. R. J.; LUCIO-VILLEGAS, R. L. G. Efecto de un programa formativo para enseñar ciencias por indagación basada en modelos, en las concepciones didácticas de los futuros maestros. Revista Eureka sobre Enseñanza y Divulgación de las Ciencias, v. 12, n. 1, p. 149-166, 2015.

MARTINS, C. C.; FREIRAS, N. M. S.; FREITAS, N. M. S. Ensino baseado em investigação: uma abordagem à dengue. Ciência em Tela, v. 10, n. 1, p. 1-10, 2017.

MIRANDA, E.; TORRES, F. S. Uso de aulas práticas investigativas na consolidação da aprendizagem e vivência do método científico - uma abordagem sobre grupos sanguíneos do sistema ABO. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 4, p. 323-338, 2018.

MORAIS, C. S.; SIMÕES NETO, J. E.; FERREIRA, H. S. Perspectivas de ensino das ciências: o modelo por investigação no sertão pernambucano. Experiências em Ensino de Ciências, v. 9, n. 1, p. 90-100, 2014.

MOREIRA, L. C.; SOUZA, G. S. O uso de atividades investigativas como estratégia metodológica no ensino de microbiologia: um relato de experiência com estudantes do ensino médio. Experiências em Ensino de Ciências, v. 11, n. 3, p. 1-17, 2016.

MOURA, J. C.; CUNHA, H. F. A influência do ensino de ciências por investigação na visão de alunos do ensino fundamental sobre cientistas. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 2, p. 104-112, 2018.

MOURA, J. C.; PORTO, M. D.; CUNHA, H. F. O uso de desenhos para verificar a aprendizagem de estudantes sobre o cerrado. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 3, p. 86-95, 2018.

MUNFORD, D.; LIMA, M. E. C. C. Ensinar ciências por investigação: em quê estamos de acordo? Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 9, n. 1, p. 89-111, 2007.

OLIVEIRA, A. L.; MURATA, N. G. Situações investigativas em livros didáticos de biologia: limites e possibilidades. Revista Ciências & Ideias, v. 7, n. 3, p. 212-234, 2016.

OLIVEIRA, A. L.; OBARA, A. T. O ensino de ciências por investigação: vivências e práticas reflexivas de professores em formação inicial e continuada. Investigações em Ensino de Ciências, v. 23, n. 2, p. 65-87, 2018.

OLIVEIRA, F. P.; AMORIM, H. S.; DERECZYNSKI, C. P. Investigando a atmosfera com dados obtidos por radiossondas. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 40, n. 3, p. 3503-3510, 2018.

OLIVEIRA, M. S. D.; MOLINA, G. P.; FIREMAN, E. C. Contribuições das sequências de ensino por investigação para a alfabetização científica no estágio em ensino de física. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 4, p. 266-296, 2018.

OTERO, M. R.; FANARO, M. A.; & LLANOS, V. C. La Pedagogía de la Investigación y del Cuestionamiento del Mundo y el Inquiry: un análisis desde la enseñanza de la Matemática y la Física. Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias, v. 8, n. 1, p. 77-89, 2013.

PAULA, H. F. Fundamentos Pedagógicos para o Uso de Simulações e Laboratórios Virtuais no Ensino de Ciências. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 17, n. 1, p. 75-103, 2017.

PENHA, S. P.; CARVALHO, A. M. P.; & VIANNA, D. M. Laboratório didático investigativo e os objetivos da enculturação científica: análise do processo. Revista de Educação, Ciências e Matemática, v. 5, n. 2, p. 6-23, 2015.

PEREIRA, M. M.; SOARES, V.; ANDRADE, V. A. Escrita como ferramenta indicativa das possíveis contribuições de uma atividade investigativa sobre temperatura para a aprendizagem. Experiências em Ensino de Ciências, v. 6, n. 3, p. 118-132, 2011.

PERUZZO, C. M. K. Manual de metodologia para elaboração de relatório de qualificação, dissertação de mestrado e tese de doutorado. Universidade Metodista de São Paulo, Faculdade de Comunicação Multimídia, 2005.

PINTO, I. K. L. S.; SILVA, A. P. B.; PINTO, J. A. F. Entre o planejamento e a execução: desafios de uma abordagem histórica para ensinar eletrostática. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 4, p. 192-211, 2018.

PRSYBYCIEM, M. M.; SILVEIRA, R. M. C. F.; SAUER, E. Experimentação investigativa no ensino de química em um enfoque CTS a partir de um tema sociocientífico no ensino médio. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 17, n. 3, p. 602-625, 2018.

RECH, L. R. F.; MEGLHIORATTI, F. A. Ensino por investigação: um estudo de caso na aprendizagem de ecologia. Revista de Educación en Biología, v. 19, n. 2, p. 57-72, 2016.

RIVERO, A.; POZO, R. M.; SOLÍS, E.; AZCÁRATE, P.; PORLÁN, R. Cambio del conocimiento sobre la enseñanza de las ciencias de futuros maestros. Enseñanza de las Ciencias, v. 35, n. 1, p. 29-52, 2017.

ROLDI, M. M. C.; SALIM, C. R.; PIRES, C. R. C. Ensino de evolução humana na educação básica: uma intervenção participativa para aproximar aspectos biológicos e aspectos socioculturais. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 4, p. 339-356, 2018.

ROMAGNOLI, C. M.; SEBBEN, V. R. Nociones de Física de la Atmósfera en la Escuela Primaria. Una mirada desde la Meteorología Escolar. Revista de Enseñanza de la Física, v. 27, n. extra, p. 741-747, 2015.

ROSA, L. M. R.; SUART, R. C.; MARCONDES, M. E. R. Regência e análise de uma sequência de aulas de química: contribuições para a formação inicial docente reflexiva. Ciência & Educação, v. 23, n. 1, p. 51-70, 2017.

SÁ, E. F.; LIMA, M. E. C. C.; AGUIAR JR., O. A Construção de Sentidos para o Termo Ensino por Investigação no Contexto de um Curso de Formação. Investigações em Ensino de Ciências, v. 16, n. 1, p. 79-102, 2011.

SÁNCHEZ, M. A. Animaciones Modellus y videos de experiencias de laboratorio para dar un nuevo impulso a la enseñanza de la mecánica newtoniana. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 6, n. 3, p. 729-745, 2007.

SANTANA, R. S.; FRANZOLIN, F. O ensino de ciências por investigação e os desafios da implementação na práxis dos professores. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 9, n.3, p. 218-237, 2018.

SANTANA, R. S.; CAPECCHI, M. C. V. M.; FRANZOLIN, F. O ensino de ciências por investigação nos anos iniciais: possibilidades na implementação de atividades investigativas. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 17, n. 3, p. 686-710, 2018.

SANTOS, A. A. M.; AMORIM, H. S.; DERECZYNSKI, C. P. Investigação do fenômeno ilha de calor urbana através da utilização da placa Arduíno e de um sítio oficial de meteorologia. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 39, n. 1, p. 1505-13, 2017.

SANTOS, D. O.; CAMPOS, J. G. Óptica geométrica sob a luz de atividades investigativas no ensino fundamental. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 4, p. 212-225, 2018.

SANTOS, A. P.; FERNANDES, G. W. R. O papel das atividades investigativas para o ensino de física na educação de jovens e adultos. Experiências em Ensino de Ciências, v. 13, n. 4, p. 64-89, 2018.

SANTOS, M. A. P.; OLIVEIRA, M. F. A. Uma metodologia investigativa para o ensino do distúrbio alimentar anorexia. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 15, n. 2, p. 215-239, 2016.

SASSERON, L. H. Alfabetização Científica, Ensino por Investigação e Argumentação: relações entre ciências da natureza e escola. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 17, n. especial, p. 49-67, 2015.

SEDANO, L.; CARVALHO, A. M. P. Ensino de Ciências por Investigação: oportunidades de interação social e sua importância para a construção da autonomia moral. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 10, n. 1, p. 199-200, 2017.

SILVA, M. B.; TRIVELATO, S. L. F. A mobilização do conhecimento teórico e empírico na produção de explicações e argumentos numa atividade investigativa de biologia. Investigações em Ensino de Ciências, v. 22, n. 2, p. 139-153, 2017.

SILVA, V. M.; RICO, E. P.; SOUZA, D.; OLIVEIRA, D. L. Impacto do uso de estratégias investigativas sobre as emoções e a motivação dos alunos e as suas concepções de ciência e cientista. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 14, n. 1, p. 17-34, 2015.

SILVA, N. S.; FERREIRA, A. C.; SILVEIRA, K. P. Ensino de Modelos para o Átomo por Meio de Recursos Multimídia em Uma Abordagem Investigativa. Química Nova na Escola, v. 38, n. 2, p. 141-148, 2016.

SILVA, K. A. P.; VERTUAN, R. E.; SILVA, J. M. G. Ensino por investigação nas aulas de matemática do curso de licenciatura em química. Amazônia: Revista de Educação em Ciências e Matemática, v. 14, n. 31, p. 54-72, 2018.

SOLINO, A. P.; GEHLEN, S. T. A Conceituação Científica nas Relações Entre a Abordagem Temática Freireana e o Ensino de Ciências por Investigação. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 7, n. 1, p. 75-101, 2014.

SOLINO, A. P.; GEHLEN, S. T. Abordagem temática freireana e o ensino de ciências por investigação: possíveis relações pedagógicas e epistemológicas. Investigações em Ensino de Ciências, v. 19, n. 1, p. 141-162, 2014.

SOLINO, A. P.; SASSERON, L. H. Investigando a significação de problemas em sequências de ensino investigativa. Investigações em Ensino de Ciências, v. 23, n. 2, p. 104-129, 2018.

SOLÍS-ESPALLARGAS, C.; COLOMAR, I. E.; GARCÍA, A. R. Una experiencia de aprendizaje por investigación con cajas negras en formación inicial de maestros. Revista Eureka sobre Enseñanza y Divulgación de las Ciencias, v. 12, n. 1, p. 167-177, 2015.

SOUTO, E. K. S. C.; SILVA, L. S.; SODRÉ NETO, L. et al. Utilização de aulas experimentais investigativas no ensino de ciências para abordagem de conteúdos de microbiologia. Experiências em Ensino de Ciências, v. 10, n. 2, p. 59-69, 2015.

SOUZA, D. D. D.; ARROIO, A. Construção de argumentos escritos: a influência da metodologia de ensino e do gênero do discurso. Investigações em Ensino de Ciências, v. 18, n. 2, p. 283-297, 2013.

SOUZA, M. V. J.; DANTAS, V. A.; FREITAS FILHO, J. R.; ALMEIDA, M. A. V. Utilização de Situação de Estudo como Forma Alternativa para o Ensino de Física. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 11, n. 1, p. 104-118, 2009.

SOUZA, F. L.; MARTINS, P. Ciência e Tecnologia na Escola: Desenvolvendo Cidadania por meio do Projeto “Biogás – Energia Renovável para o Futuro”. Química Nova na Escola, v. 33, n. 1, p. 19-24, 2011.

SPERANDIO, M. R. C.; ROSSIERI, R. A.; ROCHA, Z. F. D. C. et al. O ensino de ciências por investigação no processo de alfabetização e letramento de alunos dos anos iniciais do ensino fundamental. Experiências em Ensino de Ciências, v. 12, n. 4, p. 1-17, 2017.

SUART, R. C.; AFONSO, S. A. Formação inicial de professores de química: discutindo finalidades e possibilidades sobre o papel da experimentação no ensino de química. Experiências em Ensino de Ciências, v. 10, n. 2, p. 131-149, 2015.

SUART, R. C.; MARCONDES, M. E. R. As contribuições do processo de reflexão orientada na formação inicial de uma professora de Química: desenvolvimento de práticas investigativas e para a promoção da alfabetização científica. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 16, n. 1, p. 69-93, 2017.

SUZUKI, W. H. P. S.; ZOMPERO, A. F. O desenvolvimento do argumento e o aprimoramento dos aspectos semânticos e pragmáticos da linguagem oral, mediante o ensino por investigação. Revista Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, v. 11, n. 1, p. 100-116, 2016.

TOMA, R. B.; GRECA, I. M.; MENESES-VILLAGRÁ, J. A. Dificultades de maestros en formación inicial para diseñar unidades didácticas usando la metodología de indagación. Revista Eureka sobre Enseñanza y Divulgación de las Ciencias, v. 14, n. 2, p. 442–457, 2017.

TORREGROSA, J. M.; BLANCO, J. L. D.; MENARGUES, A. et al. La integración de los trabajos prácticos en la enseñanza de la química como investigación dirigida. Educación Química, v. 23, n. extra, p. 112-126, 2012.

TORREGROSA, J. M.; DOMENECH, J. L.; VERDU, Y. R. Del derribo de ideas al levantamiento de puentes: la epistemologia de las ciencias como criterio organizador de la enseñanza en las ciencias/ fisica y química. Revista de Enseñanza de la Física, v. 7, n. 2, p. 22-34, 1994.

TRIVELATO, S. L. F.; TONIDANDEL, S. M. R. Ensino por Investigação: eixos organizadores para sequências de ensino de biologia. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 17, n. especial, p. 97-114, 2015.

TRÓPIA, G. A Relação Epistêmica com o Saber de Alunos no Ensino de Biologia por Atividades Investigativas. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, v. 8, n. 3, p. 55-800, 2015.

TRÓPIA, G.; CALDEIRA, A. D. Imaginário dos alunos sobre a atividade científica: reflexões a partir do Ensino por Investigação em aulas de Biologia. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 2, n. 2, p. 17-31, 2009.

WARTHA, E. J.; LEMOS, M. M. Abordagens investigativas no ensino de Química: limites e possibilidades. Amazônia: Revista de Educação em Ciências e Matemática, v. 12, n. 24, p. 5-13, 2016.

WESENDONK, F. S.; PRADO, L. Atividade didática baseada em experimento: discutindo a implementação de uma proposta investigativa para o ensino de física. Experiências em Ensino de Ciências, v. 10, n. 1, p. 54-80, 2015.

ZOMPERO, A. F.; LABURÚ, C. E. As atividades de investigação no Ensino de Ciências na perspectiva da teoria da Aprendizagem Significativa. Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias, v. 5, n. 2, p. 12-19, 2010.

ZÔMPERO, A. F.; LABURÚ, C. E. Atividades Investigativas no Ensino de Ciências: aspectos históricos e diferentes abordagens. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, v. 13, n. 3, p. 67-80, 2011.

ZÔMPERO, A. F.; LABURÚ, C. E. Significados de fotossíntese produzidos por alunos do ensino fundamental a partir de conexões estabelecidas entre atividade investigativa e multimodos de representação. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, v. 13, n. 3, p. 242-266, 2014.

ZOMPERO, A. F.; SAMPAIO, H. R.; VIEIRA, K. M. Investigação da transferência de significados na abordagem da aprendizagem significativa utilizando atividades investigativas. Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias, v. 11, n. 1, p. 40-52, 2016.

ZÔMPERO, A. F.; SAMPAIO, H. R.; LABURÚ, C. E. et al. Atividade investigativa na perspectiva da aprendizagem significativa: uma aplicação no ensino fundamental com a utilização de tabelas nutricionais. Revista Góndola, Enseñanza y Aprendizaje de las Ciencias, v. 9, n. 2, p. 10-21, 2014.

ZÔMPERO, A. F.; FIGUEIREDO, H. R. S.; MELLO, K. C. Diferenciação e reconciliação de significados produzidos por alunos dos anos iniciais em atividades investigativas: uma abordagem ausubeliana. Experiências em Ensino de Ciências, v. 8, n. 2, p. 116-125, 2013.

Publicado
2020-10-18
Como Citar
SILVA, A. Ensino de Ciências por investigação: um levantamento em periódicos da área. Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 11, n. 6, p. 306-329, 18 out. 2020.
Seção
Artigos Gerais