CRIME NA MANSÃO: UMA OFICINA INVESTIGATIVA NO ENSINO DE QUÍMICA

Renan Vilela Bertolin, Caroindes Julia Corrêa Gomes

Resumo


Este trabalho apresenta o desenho e as respectivas reflexões a respeito de uma experiência didática de elaboração de uma oficina de caráter investigativo realizada com alunos das séries do ensino médio de uma escola pública no interior do estado de São Paulo. A oficina “Investigações em Química”, proposta e executada pelos próprios professores de Química, teve por objetivo proporcionar aos alunos vivências com a experimentação investigativa, o fazer e o agir científico e a argumentação, na busca pelo desenvolvimento conceitual, atitudinal, procedimental e uma formação crítica do aluno. Estruturada em três momentos, contou com a participação de dez alunos que desenvolveram suas atividades seguindo as etapas do método investigativo, da elaboração de hipóteses às considerações finais, para desvendar um crime. Embora com poucas experiências em investigações, os estudantes alcançaram satisfatoriamente os objetivos, principalmente ao pensar-se no desenvolvimento dos conceitos científicos, da leitura e da escrita, da argumentação e suas próprias aprendizagens, uma vez que os estudantes foram convidados a refletir sobre o impacto de atividades experimentais em sua formação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26843/rencima.v10i5.1808

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2179-426X

Principais Indexadores e Banco de Dados 

 4fscprrsdbplgx1korycxmt8hz22jwbgfztn2wy3tm8yqmxkqtam7cpmcsaml9ttq_400      base_sumarios-org_696      logo-oei_400      latindex_376 diadorimq_600

 

Licença Creative Commons
A REnCiMa está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional