CONTEXTUALIZAÇÃO, EXPERIMENTAÇÃO E APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA NA MELHORIA DO ENSINO DE CINÉTICA QUÍMICA.

Jhonnata de Souza Batista, Maria Graças Gomes

Resumo


O uso da contextualização e da experimentação oportuniza a participação do aluno como construtor do seu próprio conhecimento, saindo da condição de espectador, tornando sua aprendizagem significativa. Este trabalho tem como objetivo geral analisar o ensino e a aprendizagem, através de uma abordagem contextualizada experimental aplicada ao ensino de cinética química no 2°ano do ensino médio, através de sessões didáticas e experimentação relacionada ao cotidiano regional dos alunos. Os dados foram coletados através de questionários, testes e portfólio individual. A avaliação da aprendizagem foi observada em relação às notas, a postura dos alunos em relação ao conhecimento, pela participação e pela formação cidadã. Os resultados mostraram que a metodologia mostrou-se eficiente no processo de ensino e aprendizagem e na contribuição de forma significativa para a abordagem do conteúdo cinética química, oportunizando a autonomia e o protagonismo em sala de aula; promovendo, ainda, o debate de temas de questões ambientais e o estabelecimento de relações de grupo ao propiciar o desenvolvimento de competências como liderança, responsabilidade e cooperação.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26843/rencima.v11i4.1421

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2179-426X

Principais Indexadores e Banco de Dados 

   4fscprrsdbplgx1korycxmt8hz22jwbgfztn2wy3tm8yqmxkqtam7cpmcsaml9ttq_400      base_sumarios-org_696      logo-oei_400      latindex_376 diadorimq_600

 

Licença Creative Commons
A REnCiMa está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional