Desenho de uma sequência de ensino-aprendizagem sobre os princípios da Teoria Cognitivista da Aprendizagem Multimídia (TCAM)

Palavras-chave: Aprendizagem Multimídia, Ensino-Aprendizagem, Formação inicial, Teoria Cognitivista

Resumo

No contexto escolar, a imagem representa um recurso visual presente em materiais multimídias, utilizada na prática docente durante as aulas, buscando auxiliar o estudante, junto ao texto escrito, na compreensão de conteúdos das ciências. Algumas imagens podem apresentar informações divergentes ao conhecimento científico, havendo necessidade do uso de parâmetros teórico-metodológicos para mensurar seu valor cognitivo, evitando obstáculos epistemológicos e equívocos conceituais na aprendizagem. A pesquisa objetivou o desenho e a aplicação de uma Sequência de Ensino-Aprendizagem para a apropriação dos Princípios Multimídia de Mayer (2001) com licenciandos em Ciências Biológicas. O desenho da sequência se fundamentou na abordagem Construtivista Integrada de Martine Méheut (2005), configurada no momento formativo e de construção colaborativa com os licenciandos. Os resultados indicaram dissonâncias entre o desenho e a aplicação da sequência, mas foi considerada válida, uma vez que os percursos de aprendizagem dos licenciados foram significativos. Evidenciamos a relevância do conteúdo trabalhado para atuação docente e a efetividade da sequência desenhada para a formação empreendida, visto que propiciou significativa articulação entre teoria e prática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AMABIS, J. M.; MARTHO, G. R. Biologia das Células. v. 1. 3. ed. São Paulo: Moderna, 2010.

BARDIN, L. Análise do Conteúdo. Ed. Revista e Atualizada. Martins Fontes: São Paulo, 2011.

BRÖCKELMANN, R. H. Conexões com a Biologia. v. 1. 1. ed. São Paulo: Moderna, 2013.

CÉSAR, S. J.; SEZAR, S. Biologia. v. 1. 8. ed. São Paulo: Saraiva, 2005.

COUTINHO, F. A. et al. Análise do valor didático de imagens presentes em livros de Biologia para o Ensino Médio. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v. 10, n. 3, p. 1-18, 2010.

DALL’ AVA, Luiz Henrique, Análise de livros didáticos de ciências: imprecisão conceitual, analogias e ilustrações. Em: IX Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 2013, Atas... Águas de Lindóia/SP: ABRAPEC, 2013. p. 1-8, 2013.

HECK, C. M.; HERMEL, E. E. S. Análise imagética das células em livros didáticos de biologia do ensino médio. Revista da SBEnBio, n. 7, p. 1401-1409, 2014.

LINHARES, S.; GEWANDSZNAJDER, F. Biologia. v. único. 1. ed. São Paulo: Ática, 2011.

LINHARES, S.; GEWANDSZNAJDER, F. Biologia Hoje. v. 1. 2. ed. São Paulo: Ática, 2013.

MARCUSCHI, L. A. Da fala para a escrita: atividades de retextualização. 8ª. ed. São Paulo: Editora Cortez, 2010.

MAYER, R. E. Multimedialearning. New York: Cambridge University Press, 2001.

MAYER, R. E. Multimedia learning. New York: Cambridge University Press, 2005.

MAYER, R. E. Multimedia learning. 2. ed. New York: Cambridge Press, 2009.

MAYER, R. E.; MORENO, R. A Cognitive Theory of Multimedia Learning: Implications for Design Principles. University of California, Santa Barbara, 2007.

MÉHEUT, M. Teaching-learning sequences tools for learning and/or research. In: BOERSMA, K. et al. (eds.). Research and the Quality of Science Education. Holanda: Springer, 2005, p. 195-207.

MÉHEUT, M.; PSILLOS, D. Teaching-learning sequences: aims and tools for science education research. International Journalof Science Education. v. 26, n. 5, p. 515-535, 2004.

NEVES, R. F. Abordagem do Conceito de Célula: uma investigação a partir das contribuições do Modelo de Reconstrução Educacional (MRE), 2015. Tese de Doutorado - Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2015.

NEVES, R. F.; CARNEIRO-LEÃO, A. M. A.; FERREIRA, H. S. A imagem da célula em livros de Biologia: Uma abordagem a partir da Teoria Cognitivista da Aprendizagem Multimídia. Investigações em Ensino de Ciências, v. 21, n. 1, p. 94-105, 2016.

OLIVEIRA, N. M. F.; COUTINHO, F. A. A influência das cores na identificação e interpretação de imagens no ensino de ciências. Em: VII Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 2009, Atas... Florianópolis/SC: ABRAPEC, p. 1-10, 2009.

REIS, P. R. A discussão de assuntos controversos no Ensino das Ciências. Inovação, v. 12, p. 107- 112, 1999.

SEVERINO, A. J. Metodologia do Trabalho Científico. São Paulo: Cortez, 2007.

SORDEN, S. D. The Cognitive Theory of Multimedia Learning. In: IRBY, B. J.; BROWN, G.; LARA-ALECIO, R. (Eds.). Handbook of Educational Theories. Charlotte: Information Age Publishing Inc, 2012, p. 01-31.

STRÖHER, C. E. Aprendendo com imagens: a função das fontes visuais nos livros didáticos de História. Aedos, v. 4, n. 11, p. 46-70, 2012.

TOMIO, D. et al. As imagens no ensino de ciências: o que dizem os estudantes sobre elas? Caderno pedagógico, Lajeado, v. 10, n. 1, p. 25-40, 2013.

Publicado
2020-10-18
Como Citar
SILVA, D.; NEVES, R.; FERREIRA, H. Desenho de uma sequência de ensino-aprendizagem sobre os princípios da Teoria Cognitivista da Aprendizagem Multimídia (TCAM). Revista de Ensino de Ciências e Matemática, v. 11, n. 6, p. 246-267, 18 out. 2020.
Seção
Artigos Gerais