A INVESTIGAÇÃO MATEMÁTICA, COMO PRÁTICA PEDAGÓGICA, FAVORECE A OCORRÊNCIA DO DIÁLOGO NO ENSINO DE MATEMÁTICA?

Juliana Aparecida Alves da Costa, Elaine Cristina Ferruzzi

Resumo


O presente artigo trata-se de um relato de experiência embasado por um estudo teórico sobre a Investigação Matemática como prática pedagógica, e sobre o diálogo como facilitador do processo de aprendizagem de matemática. Para ilustrar nosso estudo apresentamos uma atividade aplicada para alunos de um Colégio Público do Norte do Paraná, utilizando como prática pedagógica a investigação matemática, a qual foi o instrumento de análise em nossa pesquisa, no sentido de analisar seu favorecimento para ocorrência do diálogo. Na seqüência, apresentamos uma reflexão acerca das interações ocorridas entre os participantes, assim como, se estas interações satisfazem o entendimento de diálogo preconizado por Alrø e Skovsmose, (2010), para quem, a ocorrência do diálogo auxilia no processo de aprendizagem dos estudantes. Por fim, tecemos algumas considerações a respeito de nossa pesquisa.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.26843/rencima.v11i3.1334

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2179-426X

Principais Indexadores e Banco de Dados 

   4fscprrsdbplgx1korycxmt8hz22jwbgfztn2wy3tm8yqmxkqtam7cpmcsaml9ttq_400      base_sumarios-org_696      logo-oei_400      latindex_376 diadorimq_600

 

Licença Creative Commons
A REnCiMa está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional