O MÉTODO JIGSAW E A MOBILIZAÇÃO DE ESTILOS DE PENSAMENTO MATEMÁTICO POR ESTUDANTES DE ENGENHARIA

  • Eloiza Gomes Instituto Mauá de Tecnologia
  • Benedito Antonio da Silva

Resumo

Estudos mostram que compreender os estilos de pensamento dos alunos pode auxiliar os professores a diferenciarem o ensino no sentido de maximizar os resultados de aprendizagem. Desta forma, o objetivo deste trabalho é apresentar os resultados iniciais de uma pesquisa de doutorado que procura investigar os estilos de pensamento matemático mobilizados por alunos ingressantes no curso de Engenharia. Os estudos sobre estilos de pensamento de Sternberg e a categorização dos estilos de pensamento matemático desenvolvida por Ferri fundamentam as análises da pesquisa. O método jigsaw de aprendizagem cooperativa, desenvolvido por Elliot Aronson, foi utilizado na coleta de dados. Os primeiros resultados obtidos indicam uma predominância do estilo de pensamento matemático analítico, o que, em parte, pode ser consequência da influência exercida pelo professor sobre os alunos, uma vez que tal estilo é valorizado no modelo tradicional de ensino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eloiza Gomes, Instituto Mauá de Tecnologia
Possui graduação em Licenciatura em Matemática pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1978), graduação em Bacharel em Matemática pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1979) e mestrado em Educação Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1992). Doutoranda do Programa de Educação Matemática da PUCSP. Atualmente é professor associado do Instituto Mauá de Tecnologia . Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em ensino da Matemática
Publicado
2015-05-19